31 C
Rio Branco
12 abril, 2021 4:15 pm

Pressionado, Bocalom deve voltar atrás e adiar retorno às aulas na Capital

POR SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

O prefeito Tião Bocalom (Progressistas) deve recuar da decisão de retomada das aulas presenciais para cerca de 1.800 estudantes do 5° ano a partir do dia 8 de fevereiro como anunciou na semana passada.

Segundo informações repassadas pela assessoria de imprensa da prefeitura nesta quinta-feira (28), o gestor teve uma importante reunião com Rosana Nascimento, representante do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Acre (Sinteac), e com membros do comitê da Covid-19 do Acre. “Bocalom sempre disse que ouviria todos os envolvidos para a tomada de sua decisão”, disse à assessoria de imprensa.

Com isso, Bocalom ouviu de ambos os grupos que o retorno às aulas em plena pandemia poderia ser prejudicial aos alunos e professores da rede pública, sendo assim, deverá tomar a decisão junto a secretaria de educação da capital, para adiar o retorno das aulas.

A decisão do prefeito vai fazer com que 28 escolas voltem ao funcionamento na capital. Ao todo, 60 turmas retornam às atividades.

Segundo a decisão da prefeitura, para esta retomada, professores e gestores vão passar por treinamento para cumprimento dos protocolos sanitários.