22.3 C
Rio Branco
21 junho, 2021 11:01 pm

Bittar diz obras mal feitas pelo PT em BRs no AC custam caro aos cofres públicos

Senador disse que reservou R$ 98 milhões para manutenção das rodovias 317 e 364 no Orçamento Geral da União

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

O senador Márcio Bittar (MDB-AC) disse, nesta segunda-feira (24), que reservou, no Orçamento Geral da União (OGU) de 2021, relatado por ele, R$ 98 milhões para as BRs 317 e 364, em território acreano. O parlamentar reconheceu que os recursos são poucos e não suficientes para a completa recuperação das estradas, principalmente em função da má qualidade das obras realizadas durante os 20 anos dos governos da chamada Era PT.

“O trecho da BR-364 entre Sena Madureira e Feijó, até hoje não foi aceito pelo DNIT, porque os técnicos do órgão se recusam a receber uma obra de tão má qualidade”, disse o senador. DNIT é a sigla do Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre.

De acordo com Márcio Bittar, o presidente Jair Bolsonaro e o governador Gladson Cameli têm preocupações com a manutenção das duas rodovias, que são fundamentais para a economia e o desenvolvimento do Acre. Apesar da importância estratégica das duas estradas, os governos do PT gastaram muitos recurso públicos nas obras com trabalho de má qualidade e por isso há a necessidade de manutenção constante, acrescentou.

“Se hoje os sindicatos as federações podem mostrar as condições em que se encontra e com isso reivindicar a manutenção é porque os governos do presidente Bolsonaro e de Gladson Cameli, garantem essa liberdade, que até recentemente não havia”, disse Bittar. “Agora, se há problemas nas duas rodovias, foi graças ao trabalho de má qualidade”, disse.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.