34.3 C
Rio Branco
27 julho, 2021 1:40 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Após seis dias, CG-MS volta vacinar nesta sexta-feira e a partir dos 49 anos

Pessoas que tomaram a 1ª dose da Coronavac até o dia 2 de junho, também vacinaram

POR LÚCIO BORGES ORTEGA - CORRESPONDENTE MS

CAMPO GRANDE (MS) – A vacinação contra a Covid 19 está parada na Capital de Mato Grosso do Sul, a semana toda praticamente, por falta de envio de vacinas pelo Ministério da Saúde. Nesta sexta-feira (18), só a tarde, esta programada a retomada da ação ante prometida chegada do imunizante em Campo Grande. Após seis dias de suspensão, neste retorno chegou a vez de imunizar, as pessoas a partir de 49 anos, conforme calendário divulgado pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), no inicio da noite de ontem.

A Capital está sem vacinação desde o último sábado (12), devido ao atraso do Ministério da Saúde no envio de novas doses das vacinas. Depois de quase uma semana de espera, lote com 32.760 doses do imunizante produzido pela Pfizer, desembarcou no Aeroporto Internacional da Capital, na noite de ontem  (17). Hoje, também, Mato Grosso do Sul irá receber mais 37.400 da Coronavac, ainda pela manhã.

Assim, também, a Sesau chamou, as pessoas que tomaram a 1ª dose da Coronavac até o dia 2 de junho, para se deslocar até os pontos de vacinação, nesta sexta-feira (18). O horário de atendimento nos postos de saúde espalhados pela Capital e na Seleta, será das 14h às 16h45.

Já IMPCG a vacinação abrirá um pouco mais cedo, das 13h30 às 19h30. E os drives-trhus da Cassems, Parque Ayrton Senna, Albano Franco e no Polo do Guanadizão terão atendimento a partir, das 14h até às 20h.

Para agilizar o processo de vacinação, antes de sair de casa o morador deve fazer o seu cadastro através do site http://vacina.campogrande.ms.gov.br/

Zerar fila da Coronavac

Conforme a Sesau, a quantia que chegará hoje da Coronavac, será o suficiente para zerar a fila de quem espera pela segunda dose da vacina do Instituto Butantan na Capital.

Segundo o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho,  a chegada das vacinas da Pfizer também viabilizou a abertura para a vacinação de um novo público na Capital.

Placar

Campo Grande já vacinou 336.220 pessoas com a primeira dose das vacinas contra a covid-19, o equivalente a 37.11% da população. Mas, apenas 15.19% dos moradores (137.652) tomaram as duas doses.

A prefeitura também deve abrir ainda hoje o cadastro da vacinação para adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades, ainda conforme o secretário. O imunizante produzido pelo laboratório Pfizer é o único que recebeu autorização da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), para ser aplicado em menores de 18 anos.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.