28.3 C
Rio Branco
4 agosto 2021 1:20 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Balanço mostra 20 comércios autuados com cinco interditados no fim semana de CG

Ação de sexta-feira a domingo (27) foi durante a Operação Integrada “Fim de Festa”.

POR LÚCIO BORGES ORTEGA - CORRESPONDENTE MS

CAMPO GRANDE (MS) – O balanço de “fiscalização Covid 19” no fim de semana de Campo Grande mostra dezenas de autuações e assim o ‘não medo’ e o desrespeito de uma parte dos comerciantes noturnos da Capital, quanto as medidas restritivas ainda existente, que já são relativamente poucas ante continuidade da Pandemia na cidade. Foram pegos 20 estabelecimentos, que foram autuados e cinco interditados de sexta-feira a domingo (27), durante a Operação Integrada “Fim de Festa”.

Todos foram autuados por descumprirem as medidas de biossegurança estabelecidas em decreto para conter o avanço da Covid-19 no Município, conforme dados, da ação realizada por fiscais da Visa (Vigilância Sanitária de CG), com apoio da Guarda Municipal, Semadur, Agetran e Procon.

Neste fim de semana foram fiscalizados 634 estabelecimentos, de acordo com Visa. Dentre 20 autuados, 10 tiveram autos de infração expedidos. Eles  podem acarretar em advertência, multa ou interdição. Dos dez autuados, cinco foram interditados por aglomeração. Apesar que na semana passada, o balanço total registrou 709 comércios fiscalizados com 17 interditados em CG-MS , conforme noticiamos.

O primeiro local interditado foi uma tabacaria, na Vila Carvalho, no começo da madrugada de sábado, por funcionar em horário proibido e com aglomeração de pessoas.  Um bar, na Avenida Afonso Pena, região central, também foi interditado por estar com a capacidade de ocupação acima da permitida. O terceiro estabelecimento foi interditado no sábado a tarde, no Aero Rancho, por promover aglomeração.

No domingo, os agentes e fiscais fecharam duas tabacarias, uma no bairro Amambaí e a outro no Aero Rancho, ambas por aglomeração.

Operação fim de festa em dois fins de semana

A Operação Fim de Festa teve início no dia 17 de junho em cumprimento do Decreto Municipal nº 14.763, de 14 de Junho de 2021, sobre a intensificação das ações de fiscalização em bares e restaurantes.

Até ontem, dia 27 de junho, foram realizadas 25 interdições em locais que foram encontrados descumprindo as normas de biossegurança. Considerando 25 interdições em 179 locais abordados diretamente pelas equipes, significa que  em 14% houve necessidade dessa penalidade, mostrando até, que maioria dos estabelecimentos comerciais estão atendendo as normas sanitárias vigentes.

Conforme os dados apresentados, verificou-se que bares, conveniências e tabacarias são as atividades que mais apresentaram irregularidades sanitárias, correspondendo a 24 das 25 interdições (96%)

Em relação à distribuição geográfica, as regiões Centro e Anhanduizinho foram as que mais  apresentaram interdições, representando juntas 52% das interdições em toda a cidade no período.

Foram realizadas 20 autuações no primeiro final de semana da operação, (18 a 20 de junho) e 15 no segundo final de semana (25 a 27 de junho).

Ou seja, mesmo com a ampla divulgação do aumento das fiscalizações, ainda assim alguns estabelecimentos insistiram em funcionar provocando aglomeração no segundo final de semana da operação.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.