30.3 C
Rio Branco
21 julho, 2021 4:33 pm

Frank diz que Michelle quer ser secretária, e vereadora rebate: “Nem que eu fosse convidada”

“O problema dela comigo já entrou para a esfera pessoal", disse o secretário de Saúde

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

O secretário de Saúde de Rio Branco, Frank Lima, aproveitou a coletiva à imprensa que organizou nesta terça-feira (13) para esclarecer as denúncias contra ele a respeito de supostas práticas de assédio moral e sexual, e teceu críticas à vereadora Michelle Melo (PSB).

A parlamentar tem se mostrado a porta-voz de uma das servidoras da Semsa que procurou o Ministério Público do Acre (MPAC) para registrar as denúncias.

“O problema dela comigo já entrou para a esfera pessoal. O que ela quer, pelo que dizem por aí, é ser secretária de Saúde, mas não vai ser”, comentou o representante da pasta municipal.

Michelle usou a tribuna da Câmara nesta terça-feira para pedir o afastamento de Frank do cargo de secretário, até que as denúncias sejam apuradas pela Prefeitura.

“Ela quer muitas coisas, mas eu sou inocente e vou provar isso”, finalizou Lima.

Em seu perfil no Twitter, Michelle negou o que disse o secretário.

“Podem printar e Retuitar: Eu, Michelle de Oliveira Melo, não assumirei cargo algum na gestão do prefeito Tião Bocalom, nem que fosse convidada. Obrigada, de nada! Agora vamos voltar aos assuntos sérios? Sigamos, há muito trabalho pra fazer!”, escreveu.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.