30.3 C
Rio Branco
21 julho, 2021 6:16 pm

Políticos terão R$ 5,7 bi para o fundo eleitoral para gastar em 2022; salário mínimo continua R$ 1.147

Se calculado o reajuste, salário mínimo terá aumento de R$ 47, passando para R$ 1.147

POR IG

O Congresso Nacional aprovou nesta quinta-feira (15) o texto-base da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) de 2022 , que prevê o direcionamento de gastos, previsão de arrecadação e medidas econômicas da União. O texto irá para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o relatório aprovado pela Comissão Mista de Orçamento (CMO) prevê arrecadação líquida de R$ 1,4 trilhão em 2022 e despesas totais de R$ 1,6 trilhão. Se somar a previsão de ganhos, despesas da União e gastos com governos estaduais e municipais, o país deve apresentar deficit de R$ 177 bilhões.

Com a aprovação, os deputados aceitam as previsões de inflação e crescimento do país para 2022. Segundo documento enviado pelo Ministério da Economia, o Produto Interno Bruto (PIB) do país deve crescer 2,5% em 2022 e o índice IPCA, que mede a inflação no Brasil, não deve ultrapassar 3,5%.

A LDO 2022 também cria expectativa de estabilização do câmbio em 2022, após fortes altas do dólar em 2021. De acordo com o texto, a moeda norte-americana deve valer, em média, R$ 5,10. Já a Taxa Básica de Juros (Selic), segundo o Ministério da Economia, deve ficar abaixo do previsto pelo Banco Central, no patamar de 4,7% ao ano.

Salário mínimo
No relatório final apresentado nesta quinta-feira (15), Filho considerou o reajuste da inflação calculado apenas pelo índice inflacionário, ou seja, sem aumento real. Pela previsão do Ministério da Economia, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), deve ser de 4,4% em 2021. Se calculado o reajuste, salário terá aumento de R$ 47, passando para R$ 1.147.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.