41.7 C
Rio Branco
21 setembro 2021 11:40 am

COB diz que vai à esfera jurídica contra CBF por não uso de agasalho em pódio

Após nota oficial, Jorge Bichara, diretor de esportes, afirma que COB vai buscar medidas jurídicas

POR GE

Última atualização em 08/08/2021 09:47

O Comitê Olímpico do Brasil afirma que vai acionar a esfera jurídica após a decisão da seleção de futebol de não usar o agasalho oficial do Time Brasil no pódio das Olimpíadas de Tóquio. Jorge Bichara, diretor de esportes, afirma que o COB está satisfeito com o desempenho esportivo, mas voltou a criticar condução da CBF no caso.

– O COB está satisfeito com o desempenho do futebol, conquistamos o bicampeonato olímpico. Estamos extremamente satisfeitos com a performance da equipe, mas lamentamos a atitude dos atletas no pódio. Lamentamos a atitude da Confederação Brasileira de Futebol na condução do caso. Agora, ele sai da esfera esportiva e entra em uma esfera jurídica que vai ser inserida pela área jurídica – disse Bichara, em coletiva de imprensa de balanço do COB em Tóquio.

Presidente do COB, Paulo Wanderley disse, porém, que não haverá um corte na premiação dos jogadores por conta do ato no pódio.

– Viemos para cá com a promessa de que, em caso de medalha, teria a premiação. Não vamos mudar isso. Mas vamos ver outras consequências depois da nossa atuação específica em relação a esse tema.

Os jogadores da seleção brasileira subiram no pódio para receber a medalha de ouro na manhã deste sábado sem o casaco do agasalho do Time Brasil, priorizando a camisa de jogo. Mais cedo, o Comitê Olímpico Brasileiro soltou nota criticando a entidade e os próprios jogadores.

“O Comitê Olímpico do Brasil repudia a atitude da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e dos jogadores da seleção de futebol durante a cerimônia de premiação do torneio masculino.

No momento, as energias do Comitê estão totalmente voltadas para a manutenção dos trabalhos que resultaram na melhor participação brasileira na História das Olimpíadas.

Por este motivo, apenas após o encerramento dos Jogos o COB tornará públicas as medidas que serão tomadas para preservar os direitos do Movimento Olímpico, dos demais atletas e dos nossos patrocinadores”.

A CBF ainda não se manifestou.

Fernando Scheffer com a medalha de bronze no pódio em Tóquio usando agasalho do Time Brasil — Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Fernando Scheffer com a medalha de bronze no pódio em Tóquio usando agasalho do Time Brasil — Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.