29.3 C
Rio Branco
1 julho 2022 12:39 pm

Sesacre se posiciona sobre boato de menina que teria passado mal após tomar vacina; caso está sendo investigado

“O caso está sendo investigado mas não há comprovação de que o fato tenha relação com o imunizante”, diz nota assinada pela secretária Paula Mariano

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

Última atualização em 23/01/2022 09:15

A informação de que uma criança do sexo feminino tenha passado mal após ser imunizada com a vacina pediátrica contra o coronavírus, na sexta-feira em Brasiléia, interior do Acre, mereceu uma nota de esclarecimento emitida pela Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre). A nota é assinada pela própria secretária Paula Augusta Maia de Faria Mariano e busca combater a propagação de Fake News feita por negacionistas e militantes antivacina, afirmando que a menina de Brasileia adoecera após ser imunizada.

“Sobre os boatos que vem circulando nos grupos de WhatsApp e outras redes sociais, de que uma menor passou mal após ser vacinada contra a covid-19 no município de Brasileia, a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), esclarece que o caso está sendo investigado pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica e acompanhado pelo Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais (CRIE)”, diz a secretária no início da nota. “Contudo, é importante destacar que, até o momento, não há comprovação de que o fato esteja relacionado ao imunizante”, acrescenta.

A seguir, a nota emitida pela secretária:

“Informamos, ainda, que a menor deu entrada no Hospital Regional de Brasileia na sexta-feira, 21, às 9h22, com queixa de dores abdominais, febre, cefaléia, diarréia e vômito. A mesma recebeu toda assistência necessária e foi medicada de acordo com a conduta do médico plantonista, que solicitou exames laboratoriais e de imagens para auxiliar no diagnóstico.

A criança está estável, em observação clínica e tratamento de gastroenterite, que foi o diagnóstico da mesma. Até o momento, não tem gravidade que justifique transferência.

Ressalta-se que a vacinação é a melhor estratégia para garantir maior segurança, controle da pandemia e imunização para a população. Portanto, é importante não compartilhar informações falsas que prejudique a continuidade da imunização em nosso Estado.

Rio Branco, 22 de janeiro de 2022.
Paula Augusta Maia de Faria Mariano
Secretária de Estado de Saúde do Acre”.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.097 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.