29.3 C
Rio Branco
18 agosto 2022 8:13 am

Diferentes sabores da farinha de Cruzeiro do Sul são comercializados na Expoacre

POR ASCOM

Última atualização em 05/08/2022 14:39

A famosa farinha de Cruzeiro do Sul vem ganhando ingredientes diferenciados dos microempreendedores que expõem na Expoacre 2022, em Rio Branco.

Com o produto há três meses no mercado, as empresárias Mayara Lima e Samylle Almeida, donas da Amarelinha do Acre – Farofa Goumert, escolheram a feira  para expor seus produtos. No cardápio, a típica farofa de Cruzeiro do Sul nos sabores charque, banana com bacon, dendê e pimenta, cebola e alho ou calabresa. A produção é industrializada. A farofa já é comercializada em estabelecimentos da cidade e pode ser adquirida por encomenda.

“Os preços vão de 20 a 24 reais e o produto tem validade de 60 dias, se bem conservado”, explica Mayara.

Outro empreendedor que também inovou com a farinha foi Stanley Smith, que acrescentou à iguaria o sabor tradicional, crouton e ervas finas, receita exclusiva da marca com as principais ervas da região.

O empresário conta que já revende o produto para diversos outros municípios do estado.

“Nosso produto dispõe de um prazo de 90 dias para consumo”, afirma.

Os estandes ficam localizados no Espaço da Indústria e ficarão com os produtos nos expositores até o encerramento da feira.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.