17 de abril de 2024

Sescoop dá início a turma de 2024 do Programa Aprendiz Cooperativo

O programa tem o propósito de facilitar o ingresso de jovens no mercado de trabalho sem comprometer os seus estudo

O Programa Aprendiz Cooperativo, idealizado e executado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Acre (Sescoop), teve sua aula inaugural da nova turma de 2024 realizada nesta segunda-feira (15), na sede do Sistema OCB.

O programa tem o propósito de facilitar o ingresso de jovens no mercado de trabalho sem comprometer os seus estudos, e atende ao quinto princípio do cooperativismo: Educação, Formação e Informação.

A nova turma é composta por 22 alunos que terão aulas teóricas sobre de Cidadania e Trabalho, Linguagem e Comunicação, Empreendedorismo, Informática, Cooperativismo, Matemática Comercial Financeira, Formação Humana e Científica, Introdução à Administração, Auxiliar Administrativo, e Apresentação para o Mercado de Trabalho, e aulas práticas nas cooperativas três vezes por semana.

Presente na aula inaugural, o superintendente da Organização das Cooperativas Brasileiras no Acre (OCB-AC), Émerson Gomes, ressaltou que o objetivo do programa é oportunizar aos jovens conhecimento sobre o cooperativismo e apoiar para que eles sejam inseridos no mercado de trabalho.

“O grande objetivo do programa é oportunizar ao jovem uma primeira experiência de mercado. Eles vão conhecer a funcionalidade das cooperativas, a funcionalidade das empresas dentro do próprio mercado. A maioria dos nossos aprendizes estão sendo incorporados pelas cooperativas pelo desempenho, compromisso, pelo comportamento, porque eles são treinados e capacitados, assim a cooperativa adquire mão de obra qualificada, que conhece cooperativismo, e isso facilita muito o processo”, disse.

Grandes expectativas

Nesta primeira aula, os alunos conheceram os novos professores, que possuem vasta qualificação nas áreas da cooperativismo, startup, educação, administração, entre outros setores. Para Ágatha Amanda, nova aluna da turma e estagiária da cooperativa Unimed, esse momento é de grande importância para seu aprendizado.

“Estou estagiando na Unimed, fui indicada para realizar o Programa aqui e essa primeira aula me surpreendeu bastante, me senti bem a vontade com os profissionais e com os alunos da turma, tem uma grande interação. Tenho muitas expectativas ainda mais depois desse primeiro momento, acredito que vai ser ótimo para meu aprendizado. Estou tendo um maior contato com o cooperativismo”, afirmou.

Já o aprendiz Vinícius Paiva, que está iniciando na turma de 2024, indicado pela Unimed, explicou sobre as atividades da aula inaugural e afirmou que a primeira aula foi esclarecedora e espera aprender mais sobre o cooperativismo e mercado de trabalho.

“Sou estagiário da Unimed, essa é minha primeira semana atuando na cooperativa e agora estou no programa, participando dessa primeira aula, que foi esclarecedora sobre como funciona o método de ensino, realizamos dinâmica, nos conhecemos, entendemos a metodologia, a expectativa é conhecer mais sobre o cooperativismo e mercado de trabalho”, disse.

Carpegiane Brito, Administrador de Empresas e professor Universitário, ministra aulas sobre Novas Tecnologias no Programa Aprendiz Cooperativo do Sescoop Acre, ele acredita que o Programa auxilia a disseminar a cultura cooperativista,e as aulas, teóricas e práticas, e isso é um sistema proveitoso.

“O Sistema OCB, de forma muito produtiva, tem procurado propagar e incentivar essa cultura do cooperativismo, cumprindo, inclusive, até requisitos legais das cooperativas afiliadas, os alunos vem fazer o intercâmbio entre aulas teóricas e aulas práticas. O primeiro dia de aula é aquele processo de conhecimento, entender o que é o cooperativismo, fazemos aquele processo introdutório que é estabelecer limites e regras entre a nossa convivência e respeito ao mundo etc. Temos professores especialistas em cooperativismo, em startups e terceiro setor, então isso é bastante proveitoso para o sistema”, finalizou.

Como participar do Programa

Para participar do programa o jovem deverá estar na faixa etária de 14 a 24 anos, matriculado e frequentando a escola regularmente. As cooperativas demandam o Sistema OCB/ Sescoop Acre quanto à necessidade de formação dos jovens e a instituição procede com a formação da turma e capacitação.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost