21 de abril de 2024

Semulher realiza campanha contra o assédio e a importunação sexual no Carnaval da Família 2024

A ideia é que, na capital acreana, bem como em Brasileia, Rodrigues Alves, Mâncio Lima e Cruzeiro do Sul, equipes multidisciplinares realizem ações de orientação às mulheres

Para levar um trabalho preventivo em relação aos mais variados tipos de violência contra a mulher, a Secretaria de Estado da Mulher (Semulher) estará, durante todos os dias do Carnaval da Família 2024, nos pontos de folia em Rio Branco e no interior do estado, com o Bloco do Respeito. A ideia é que, na capital acreana, bem como em Brasileia, Rodrigues Alves, Mâncio Lima e Cruzeiro do Sul, equipes multidisciplinares realizem ações de orientação às mulheres, além da divulgação dos serviços da pasta.

Semulher estará durante os cinco dias de folia no Carnaval da Família 2024. Foto: Divulgação

De acordo com a secretária de Estado da Mulher (Semulher), Márdhia El-Shawwa Pereira, a principal intenção é que todas as mulheres que estejam nos locais de festas saibam dos seus direitos e como buscar ajuda em casos de importunação sexual e assédio.

“A própria presença da Secretaria [de Estado da Mulher] é importante, principalmente no sentido de pensarmos que um órgão estará in loco para ajudar mulheres que precisem de ajuda, além de levar a informação a elas sobre os direitos que dispõem”, explicou a titular.

A secretária enfatizou que, além disso, a Semulher distribuirá materiais impressos com os tipos de violência e os números de denúncia. “A mulher terá em mãos o 190, para acionar a Polícia Militar; o 180, da Central de Atendimento à Mulher; e o 68 99605-0657, número de atendimento da Semulher”.

Interior do estado

A Semulher também atuará nas folias no interior do estado. O Centro Especializado de Atendimento à Mulher do Juruá (CEAMJU) realizará ação ao longo de quatro noites. De acordo com a coordenadora do CEAMJU, Genilsa Silva, os trabalhos serão divididos, sendo duas noites em Cruzeiro do Sul, das 18h às 22h; em Rodrigues Alves, no domingo, 11, das 17h às 21h; e, no último dia de folia, em Mâncio Lima, das 17h às 21h.

“Dentro deste contexto de atuação, estaremos realizando uma abordagem de orientação, levando mais visibilidade para a Secretaria [de Estado da Mulher]. A intenção é apresentarmos os nossos trabalhos; a localização do CEAMJU, nosso ramo de atuação, além de indicar às mulheres as principais formas de denúncia, caso haja algum problema”, reiterou Genilsa, acrescentando que o objetivo não é apenas entregar materiais impressos, “mas também para que esse seja um trabalho mais educativo, para que as mulheres saibam que nós temos um espaço de apoio psicossocial e jurídico”.

Em Brasileia, a Semulher atuará por meio do Centro Especializado de Atendimento à Mulher do Alto Acre (CEAMAA), conforme explica a coordenadora do local, Elizabeth de Araújo. “Queremos fazer a prevenção para as mulheres, que o Bloco do Respeito esteja realmente ajudando a prevenir casos de violência contra as mulheres. Estaremos presentes ao longo das noites de festa para fazermos a prevenção contra todo tipo de assédio”, finalizou.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost