17 de junho de 2024

Junho violeta: governo faz campanha de conscientização da violência contra idoso

A operação começou hoje e vai se estender até o dia 11 de julho

Após ser instituída a campanha do junho violeta, em alusão ao Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp) lançou a Operação Virtude, nesta segunda-feira (10), que irá se estender até o próximo dia 11 de julho.

As ações serão feitas de maneira preventiva e repreensiva em todo o estado. O diretor operacional em exercício da secretaria de Segurança Pública, coronel Cleudo Maciel, afirma que as campanhas voltadas para pessoas em situação de vulnerabilidade continuarão sendo executadas.

“Encerramos a Caminho Seguro e iniciamos a Virtude, todas elas voltadas para esse público em situação de vulnerabilidade, sejam as crianças, sejam os idosos. Nós podemos, então, contemplar esse público vulnerável com ações efetivas do Estado, representado pelas polícias na garantia de direitos. Tanto a Polícia Civil como a Polícia Militar buscam a garantia de direito dessas pessoas”, explica ele. 

A intenção das ultimas operações é reforçar as atividades realizadas voltadas para pessoas em situação de vulnerabilidade/Foto: Reprodução

O coordenador da operação, delegado Marcos Frank, falou sobre a interiorização da atuação da operação. “O aporte de diárias, por meio do Ministério da Justiça, proporciona um reforço ao efetivo policial e à interiorização das ações, e pretendemos atingir grandes resultados com essa operação”, explicou.

A atuação vai focar nas unidades especializadas, que irão se debruçar em cima dos casos que foram denunciados através do próprio sistema. O delegado à frente da Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso, José Aníbal Tinoco, falou um pouco sobre a operação. 

“Vamos focar nas denúncias que foram repassadas pelo próprio sistema. Vamos verificar todas essas denúncias, fazer as visitas, relatórios sobre essas visitas e instaurar o procedimento, e também focar nos inquéritos que já existem na delegacia,  para que possamos finalizá-los e encaminhar para a justiça”, complementou ele.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost