22.3 C
Rio Branco
22 junho, 2021 12:30 am

Cineasta João Batista Marques, o Teixeirinha do Acre, recebe homenagem póstuma

POR REDAÇÃO CONTILNET

Filhos, amigos e demais simpatizantes do cineasta João Batista Marques de Assunção (Teixeirinha do Acre) estiveram nesta terça-feira (10) no Theatro Hélio Melo, para prestar um tributo póstumo ao grande músico, poeta e professor, tido como o principal mentor intelectual do cinema acreano nos anos 70.

O evento foi protagonizado pelos seus dois filhos Jaenick e Josy Assunção que, sobre o acompanhamento do músico Elias Junior, cantaram as principais composições deste brilhante artista natural de Sena Madureira. Na plateia, se encontrava um seleto grupo de amigos e parentes que emocionados, lembraram do grande legado artístico deixado por um dos maiores expoentes do cinema e da música acreana.

O espetáculo organizado pelo cineasta Adalberto Queiroz, amigo de longas datas do músico, contou com o apoio da ASACINE e do Governo do Estado através da Fundação Elias Mansour (FEM) que, em breves dias entregará o título da “Comenda da Ordem do Mérito Cultural” para o cineasta in memorian. Este troféu, é tido como a maior honraria que o Estado do Acre entrega para um Ativista Cultural. Além do artista, outros grandes nomes do movimento artístico foram agraciados com a comenda, que foi votada numa eleição sobre o comando do Conselho Estadual de Cultura. Na ocasião, foram eleitos também o diretor de teatro Lenine Alencar, Adalberto Queiroz (cinema) e Alberto Loro (músico) in memorian.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.