15.3 C
Rio Branco
30 julho 2021 7:33 am

Empresa de transportes diz que passagens não sofrerão queda com ponte do Abunã: “Correto é um preço maior”

"O correto, a partir do aumento da inflação e do reajuste no valor do combustível, seria um preço maior", disse o gerente de uma das empresas

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

A promessa feita aos acreanos a partir da inauguração da ponte sobre o Abunã era a de que os preços dos produtos e dos serviços ofertados no Estado iram baixar, mas não foi o que aconteceu até o momento, pelo menos na área de transportes interestaduais.

A reportagem do ContilNet decidiu verificar se a obra que liga o Acre ao restante do país, por via terrestre, implicaria numa redução no valor da passagem de ônibus entre Rio Branco e o estado de Rondônia. A resposta foi “não”.

Célio Peixoto, o gerente da empresa Eucatur, que oferece 4 linhas de ônibus diariamente para transportar passageiros de um estado para o outro, disse que o valor da tarifa, que chega a aproximadamente R$ 122, não deve ser reduzido, já que está defasado.

“O correto, a partir do aumento da inflação e do reajuste no valor do combustível, seria um preço maior, mas a quantia permanece a mesma há uns quatro anos, pelo menos, e está defasada”, argumentou.

O entendimento é o mesmo para as outras empresas, de acordo com Peixoto.

O fato é que, com a ponte inaugurada, as concessionárias não pagam mais a quantia de R$ 125 por ônibus, na travessia da balsa que antes transportava os veículos de um lado para outro do rio.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.