17.3 C
Rio Branco
21 julho, 2021 9:39 am

Funcionária de casa lotérica é presa acusada de desviar mais de 1 milhão do auxílio emergencial

Ela alterava as senhas de acesso dos beneficiários e repassava para golpistas que transferiam o dinheiro para outras contas. O esquema pode ter rendido R$ 1 milhão aos criminosos

POR RECONCAVO NEWS

A Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira (8) uma funcionária lotérica acusada de desviar verba do auxílio emergencial.
Ao todo, ela roubou mais de 150 beneficiários. O golpe é estimado em valores acima de R$ 1 milhão.

O trabalho dela era alterar senhas de acesso de beneficiários do auxílio emergencial para que golpistas transferissem os valores para outras contas.

A polícia a acusou de estelionato, falsidade ideológica e inserção de dados falsos em sistemas de informações.

Os recebedores do benefício eram surpresos com mensagens no celular pedindo o CPF e a senha, afirmando que estavam fazendo o recadastramento.

Após essa etapa, ela era encarregada de passar as informações para outros golpistas, que agora também estão na mira da polícia.

O caso ocorreu na cidade de Fortaleza, além do Ceará, foram identificadas vítimas nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Pernambuco, Goiás, Paraná e Distrito Federal.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.