24.3 C
Rio Branco
5 dezembro 2021 12:32 am

Casal ostentação comprou R$ 400 mil em botox usando dados de médicos

POR METRÓPOLES

Última atualização em 26/10/2021 13:37

Preso pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), na última quinta-feira (21/10), o casal suspeito de usar dados de médicos para comprar produtos de estética, como botox e ácido hialurônico, mantinha um estoque estimado em R$ 400 mil.

As mercadorias foram apreendidas durante a Operação Full Face, deflagrada pela Coordenação de Repressão aos Crimes Contra o Consumidor, a Ordem Tributária e a Fraudes (Corf).

A investigação aponta que os suspeitos faziam as aquisições com uso ilegal de dados de médicos e dentistas. Eles também usavam cartões fraudados. Os itens eram vendidos por preços abaixo do mercado. Um terceiro envolvido também acabou detido. As prisões temporárias foram prorrogadas pela Justiça do DF.

A PCDF identificou que uma empresa teve prejuízo de R$ 750 mil. Os empresários alegaram que realizaram a venda, mas não receberam. Em uma das casas, localizada em Goiânia, foram apreendidos 520 frascos de produtos estéticos.

Leia mais em Metrópoles.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.