29.2 C
Rio Branco
27 novembro 2021 4:34 pm

Projeto de senadora quer reduzir em 43% emissão de gás

Kátia Abreu apresenta proposta para a redução até o ano de 2025; esta também é a meta do governo para desmatamento

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

Última atualização em 18/10/2021 11:35

Às vésperas do início da 26ª Conferência sobre as Alterações Climáticas (COP26), realizada de 31 de outubro a 12 de novembro deste ano, na Suécia, o Senado brasileiro pode aprovar uma meta mais ousada de redução das emissões de gases de efeito estufa, bem como o fim do desmatamento ilegal. Projeto de lei de autoria da senadora Kátia Abreu (PP-TO), que antecipa para 2025 a meta de redução de 43% das emissões de gases de efeito estufa, está na pauta da sessão plenária de quarta-feira (20).

Na reunião da Cúpula de Líderes sobre o Clima, em abril, o presidente Jair Bolsonaro reforçou o compromisso brasileiro de eliminar o desmatamento ilegal até 2030 e reduzir a emissão de gases. O projeto também propõe que o Brasil assuma o compromisso de zerar o desmatamento ilegal nos próximos nove anos. Na avaliação de Kátia Abreu, que é presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), segundo a Agência Senado, a antecipação da meta em cinco anos dará ao Brasil protagonismo no cenário internacional, o que favorecerá novos acordos comerciais.

“Se o Brasil atingir a meta de redução de desmatamento já em 2025, nossos produtos, em especial os agropecuários, terão acesso facilitado aos maiores e mais exigentes mercados consumidores, além da atração de bilhões de dólares em investimentos diretos. Como consequência, promoveremos a proteção ao meio ambiente e simultaneamente serão gerados empregos e renda aos brasileiros”, avalia a senadora.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!