31.3 C
Rio Branco
7 agosto 2022 7:35 pm

ExpoAcre contará com três barreiras sanitárias; entenda as exigências

POR ASCOM

Última atualização em 27/07/2022 20:58

Durante os sete dias de exposição, que terá início no sábado, 30, a Expoacre de Rio Branco contará com três portões de acesso, sendo que em dois deles uma equipe da Vigilância Sanitária do Estado estará presente para o cumprimento das medidas sanitárias contra a covid-19.

A outra barreira será composta por uma equipe do Programa Nacional de Imunização (PNI), para conferir se o participante está devidamente imunizado contra o vírus, o que deverá ser comprovado com a apresentação da carteira de vacinação. Mesmo se o visitante não estiver portando o documento, os profissionais estarão com pronto acesso ao conectUS para a devida comprovação.

“Toda essa estrutura de saúde é para que a Expoacre seja um ambiente seguro e controlado. Estimamos receber uma média de 20 mil pessoas diariamente. Sabemos que, com a chegada de outros agravos, precisamos ficar vigilantes, e também temos a convicção de que não podemos retroagir ao que aconteceu em 2020, com fechamento e cancelamento de eventos”, pontuou o chefe da Vigilância Sanitária estadual, Advagner Prado.

De acordo com o decreto nº 11.089, de 22 de julho, em eventos sociais, culturais, recreativos, esportivos, religiosos e similares, públicos ou particulares, destinados a público superior a 300 pessoas, com ou sem assento, é obrigatória a exigência de comprovante de esquema vacinal completo para acesso, uso de máscara durante o tempo de permanência e circulação.

Para as pessoas que não portarem a carteira de vacinação, ou que não estiveram vacinadas e quiserem participar da feira, é obrigatória a apresentação de resultado negativo de teste antígeno para covid-19 realizado nas 24 horas anteriores ao evento.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.