22.3 C
Rio Branco
13 agosto 2022 4:12 am

Oito dicas para quem quer começar a revender lingerie feminina

POR REDAÇÃO CONTILNET

Última atualização em 07/07/2022 10:18

Se você está se perguntando como revender lingerie e tem a ideia de empreender nesse nicho, te digo que esse é um negócio lucrativo que deixa bons lucros. A moda íntima é um produto necessário e que está em alta demanda. Além disso, apesar de seu uso ser para um mercado feminino, é apreciado por mulheres e homens.

Aqui estão algumas ótimas ideias para começar a ganhar dinheiro vendendo roupas íntimas.

1) Estude o mercado

A pesquisa de mercado é um passo importante antes de iniciar qualquer negócio. No caso da sua loja de lingerie, é preciso conhecer a preferência de seus potenciais clientes, seu comportamento de compra, a periodicidade e sua capacidade de gasto. Isso vai te dar uma ideia de quais são seus custos e o que você deve segmentar na hora de investir.

2) Seu público-alvo

Para quem você vai revender lingerie? Que tipo de pessoas estão interessadas em seu produto? Lembre-se que nem todas as mulheres consomem o mesmo tipo de roupa íntima, pois possuem gostos e necessidades diferentes: adolescentes, executivas, mulheres que estão amamentando, pós-operatórias, etc. Depois, há também um perfil de comprador masculino: homens que compram para presentear suas parceiras.

3) Concorrentes

Visite as lojas que oferecem os seus mesmos produtos e identifique quantas existem no local onde pretende colocar o seu negócio. Observe o estoque, os preços que cobram e o tipo de cliente que os frequenta.

4) Monte seu plano de negócios

Você pode contar com o modelo Canvas para determinar seus clientes, fornecedores, aliados, como você vai se promover, quanto dinheiro você precisa investir e outras questões necessárias para iniciar seu negócio.

5) Itens para vender

Para saber o que oferecer, é preciso definir qual é o seu valor agregado. Se vender qualidade e diferenciação terá uma vantagem sobre a concorrência. O que você pode oferecer no seu negócio deve ser principalmente peças básicas como sutiãs, meia-calça, pijamas, biquínis, cintos, entre outros. Você também pode complementar a variedade de produtos oferecendo itens curiosos dessa categoria, como fantasias, espartilhos, camisolas e outros.

6) O local

É aconselhável que opte por uma zona estratégica da cidade com afluência de público, de fácil acesso e que não tenha muita concorrência. Uma correta análise de geolocalização permitirá que você invista adequadamente neste negócio. Esse ponto é de vital importância porque a quantidade de clientela que você vai atender vai depender do local.

7) Redes sociais

Você pode atrair clientes através do uso adequado das redes sociais. Principalmente no Facebook e Instagram, já que são as redes sociais mais utilizadas no seu nicho.

Procure o tipo de conteúdo que envolve seus seguidores. Pode ser desde conteúdo, principalmente visual, até informações interessantes, didáticas e frases motivacionais.

8) Um site profissional

Caso você não tenha presença na Internet, construa um site para o seu negócio de lingerie para que você também possa gerar vendas online. Se você já possui seu site, certifique-se de que ele esteja bem otimizado para atrair novos clientes e para um ótimo atendimento ao visitante.

Em seu site você pode mostrar sua empresa, seus dados de contato, informações detalhadas sobre suas roupas junto com imagens bem descritivas, preços, promoções e novidades.

Não use muitos termos técnicos para se comunicar com o visitante do seu site, use uma linguagem simples que se comunique de forma clara e amigável.

Esses são fatores-chave no design do seu site e são eles que fazem a diferença entre obter um bom lucro e um ótimo lucro.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.