19 de junho de 2024

Fã de Taylor Swift morto em assalto levou 23 facadas, diz laudo

Gabriel Mongenot foi morto após um assalto em Copacabana, no Rio de Janeiro

O fã da cantora Taylor Swift assassinato após um assalto na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, na madrugada de domingo (19/11), Gabriel Mongenot, levou 23 facadas. A informação foi revelada pelo laudo da Polícia Civil do estado, divulgado nesta segunda-feira (20/11).

Gabriel morava em Minas Gerais e estava na cidade para assistir ao show da cantora na noite de domingo. Ele será enterrado nesta terça-feira (21/11) com a roupa customizada que usaria para ver a apresentação da cantora pop.

Dois dos três suspeitos pelo crime já tinham ficha criminal e haviam sido presos em flagrante na sexta (17/11), mas foram soltos em audiência de custódia no sábado (18/11). Anderson Henriques Brandão e Alan Ananias Cavalcante estão detidos, enquanto Jonathan Batista Barbosa, também suspeito do crime, está foragido.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost