Após vídeos íntimos vazados, ex-manicure fatura R$ 55 mil no OnlyFans

Incentivada pelo marido, após ter o celular furtado e vídeos intimos vazados, Bruna decidiu se lançar como criadora +18

Imagem de uma mulher loira, posando de forma sensual, usando langeries -Metrópoles

Divulgação

Uma ex-manicure decidiu mudar de vida radicalmente depois que teve seu celular furtado e seus vídeos íntimos, com o marido, espalhados na internet. Bruna Carlos, 29 anos, é hoje Musa do OnlyFans e da Privacy, plataformas adultas que já conquistaram muitas famosas.

“Tudo aconteceu por ‘acidente’, por acaso mesmo. Meu marido sempre gravava nossa intimidade, para nós mesmos. Apimentava nossa relação. E quando postaram os vídeos em grupos e sites pornôs, entrei em desespero, chorei por dias. Estava com vergonha da minha família, amigos. Pensei no pior, não queria mais viver”, revela o drama.

Incentivada pelo próprio marido e pela irmã, que já conheciam as plataformas adultas, e recebendo elogios de quem assistia aos vídeos, Bruna decidiu se lançar como criadora +18. Foi então que tudo mudou. “Desde o início meu marido apoia, sem ele não conseguiria superar toda essa história. Pensamos: pior não vai ficar. Não tinha nada a perder, entrei no desespero”, conta.

Na época, Bruna foi vítima de discriminação. Perdeu clientes no seu salão, teve que lidar com haters na internet e recebeu propostas indecentes de pessoas da sua cidade. “Era uma loucura, as pessoas me xingavam, me excluíam. Mudei de vida completamente para não cair em depressão. Foi a fase mais difícil”.

Morando em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, ela e o marido agora viajam o Brasil todo gravando suas intimidades, inclusive com outros homens e mulheres. De um salário de R$ 3,5 mil que ganhava no seu salão, como manicure e pedicure, ela passou a embolsar R$ 55 mil por mês com os conteúdos picantes.

“Fui corajosa e não me arrependo. Me descobri nisso, hoje faço com tesão, gravo porque gosto, me sinto exibicionista e uma sex symbol. Tenho mais tempo para mim, para me cuidar e aproveitar a vida. Tenho uma rotina para produzir fotos e vídeos, levo tudo a sério, mas tenho mais liberdade e sou mais feliz”.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost