28 de maio de 2024

Terremoto que atingiu o Acre tinha potencial para matar pessoas e foi sentido em 4 cidades

As cidades do Acre não foram as únicas a sentir abalos sísmicos nesta quarta (27)

O Acre voltou a sentir um terremoto nesta quarta-feira (27). Registrado pelo Centro Sismológico Euro-Mediterrânico, o tremor aconteceu por volta das 9h16, a 35 km da superfície, de magnitude 5,1.

VEJA MAIS: Acre registra mais um terremoto e magnitude chega a 5,1: “Um susto bem grande”

De acordo com o Painel Global, quatro cidades do estado registaram o tremor: Marechal Thaumaturgo (a 21 km da superfície), Porto Walter ( a 54 km), Rodrigues Alves (a 113 km) e Jordão (a 124 km).

Epicentro foi no município de Marechal Thaumaturgo/Foto: Painel Global

“O poderoso tremor teve seu hipocentro estimado a 11 km de profundidade, sob as coordenadas 8.75S e 72.78W. Considerando a magnitude e a baixa profundidade em que ocorreu o evento, este tremor tem potencial suficiente para causar pesados danos e vítimas fatais caso tenha ocorrido abaixo de locais populosos”, disse o comunicado da plataforma.

As cidades do Acre não foram as únicas a sentir abalos sísmicos nesta quarta (27). Ainda segundo o Painel Global, “de acordo com dados recebidos do Instituto de Pesquisas geológicas dos EUA, USGS, nas últimas 48 horas ocorreram 54 abalos tectônicos. Do total registrado, 47 foram sismos de baixa intensidade e 6 apresentaram magnitude moderada. Apenas um dos tremores foi classificado entre forte e muito forte”, informou.

Susto bem grande

Uma moradora de Marechal Thaumurgo, que concedeu entrevista ao G1 Acre, disse que sentiu o tremor e pensava que fosse o desbarrancamento do rio.

“A gente estava em uma manhã com muito trabalho, e sentimos do nada. Só que não foi um balanço comum, porque a gente está acostumado aqui em Marechal com tremor de terra mais fraco. Hoje, não. Foram duas pancadas, mas foram bem fortes. Onde a gente trabalha tem um vidro, eu jurei que o vidro ia quebrar, porque foi uma pancada bem forte mesmo”, destacou.

“Um susto bem grande. Mas aí, passou rápido, foram dois balanços só, mas foi bem forte. No momento a gente nem se tocou que era um tremor, a gente achava que era o barranco que ia caindo, depois entendemos que era um terremoto”, acrescenta.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost