29 de maio de 2024

Ex-presidiário é morto a tiro em frente a loja de construção em Porto Velho

Juliano possuía passagem pelo sistema penitenciário e foi morto com um tiro na cabeça

Um homem identificado como Juliano Queiroz Steffen, 35, foi morto a tiros na madrugada desta terça-feira (09) em frente a um estabelecimento comercial na Avenida Rio de Janeiro, bairro Lagoina, zona Leste de Porto Velho. Ele é ex-presidiário. 

Moradores acionaram a Polícia Militar e logo em seguida a perícia criminal esteve realizando os primeiros trabalhos de análise no local. O corpo então foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML).

Ex-presidário foi morto a tiros em frente a estabelecimento comercial. / Foto: SGC

Ao serem questionados, moradores não souberam responder sobre quem seria o autor do crime, à Polícia eles informaram que apenas ouviram os disparos durante a noite. Uma mulher disse a equipe policial que ouviu gritos da vítima em frente ao local pedindo por socorro e tentando entrar pelo portão, mas logo caiu agonizando.

Segundo informações, Juliano possuía passagem pelo sistema penitenciário e foi morto com um tiro na cabeça ao lado da loja de materiais de construção, mesmo local onde o empresário Aroldo de Andrade Nascimento acabou sendo vítima de latrocínio no dia 1° de fevereiro.

Câmeras de segurança devem contribuir para a investigação do crime que será realizado por agentes da 1° Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Contra a Vida (DERCCV).

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost