25 de maio de 2024

Saiba qual tipo de exercício físico ajuda a aliviar a pressão alta

Um artigo da UCL Health, deste ano, revelou que o exercício isométrico pode ser a peça chave para auxiliar na redução da pressão arterial

Quando se trata de melhorar a pressão arterial, o exercício físico já é conhecido como uma das melhores soluções. Para dar mais credibilidade à tese, um artigo da UCL Health, publicado este ano, revelou que o exercício isométrico pode ser a peça chave para auxiliar na redução da pressão arterial.

Getty Images

O artigo levou em consideração uma revisão científica realizada por pesquisadores na Inglaterra. Na ocasião, eles analisaram a relação entre exercícios regulares e a melhora da pressão. Os autores analisaram os resultados obtidos em 270 estudos ao longo de 13 anos.

Compilando todos os estudos, a amostra analisada foi composta por mais de 15 mil adultos participantes. O resultado da revisão acadêmica foi quase unânime: o exercício isométrico ajuda a aliviar a pressão.

Mas o que é exercício isométrico?

Para entender o que é isometria, basta ir ao significado da palavra. De origem grega, a palavra pode ser traduzida como sendo a “medida igual”. Se tratando de um exercício físico, o termo pode ser entendido como uma atividade em que não há alteração nem no movimento, nem no músculo.

Durante um exercício isométrico, a pessoa fica com os músculos contraídos, mas não há alteração no comprimento durante atividade. Apesar de haver diversos exercícios desse tipo, os pesquisadores ingleses definiram o melhor para reduzir a pressão arterial.

Pesquisadores ingleses definiram o melhor para reduzir a pressão arterial

Getty Images

Pesquisadores ingleses definiram o melhor para reduzir a pressão arterial
  • Pressione as costas contra a parede;
  • Aterre as pernas em uma resistência fixa;
  • Mantenha a posição de agachamento.

Para os pesquisadores, o resultado do estudo indicou que esse tipo de exercício em que há uma contração muscular prolongada, pode favorecer que o fluxo sanguíneo diminua. Quando a contração é liberada, o retorno do fluxo sanguíneo envia sinais metabólicos que fazem com que os vasos sanguíneos relaxem, resultando no alívio da pressão arterial.

Apesar da descoberta, os autores também alertam sobre as contrações musculares prolongadas.

De acordo com eles, indivíduos com problemas cardiovasculares ou pressão arterial instável devem tomar cuidado na hora de praticar atividades com isometria, uma vez que se manter em posição de isometria por muito tempo pode aumentar a pressão arterial durante a realização da atividade.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost