Equipe revela diagnóstico e situação de Mamma Bruschetta

A artista foi internada pela terceira vez este ano, num período de seis meses, com a mesma queixa: falta de ar. Saiba detalhes!

Nesta terça-feira (11/6), o assessor de Mamma Bruschetta, Thiago Nielsen, revelou o diagnóstico e a situação da artista, que foi internada pela terceira vez, num período de seis meses, com a mesma queixa: falta de ar. “Pneumonia é por aspiração”, contou para a Quem.

“Ela está bem. A pneumonia é por aspiração, uma infecção pulmonar causada pela inalação de secreções da boca, de conteúdo estomacal ou de ambos”, detalhou Thiago.

Nielsen ainda esclareceu: “Desde a cirurgia do câncer no esôfago, em 2019, ela vem tendo refluxo. Mas a pneumonia dela não é perigosa como a viral ou a bacteriana”.

Thiago Nielsen estava se referindo a um tumor encontrado quando Mamma realizou a cirurgia bariátrica

“Primeiro, ela colocou um balão para diminuir o estômago e poder fazer o procedimento em seguida. Durante os exames preparatórios, incluindo a endoscopia, foi descoberto um câncer no esôfago”, explicou contando que ainda não existe previsão de alta.

O rapaz continuou: “Felizmente, o tumor era muito pequeno, com 15 mm. Ela conseguiu curar o câncer com tratamento, radioterapia, quimioterapia e a cirurgia para removê-lo. Contudo, a localização do tumor, na junção do esôfago com o estômago, resultou em refluxo, o que agora contribuiu para essa pneumonia”.

Em janeiro, Mamma já sido internada na UTI da mesma unidade de saúde, com tosse e falta de ar. Dias depois de ter tido alta, Bruschetta voltou ao hospital, no início de fevereiro, com o mesmo problema.

Na ocasião, Bruschetta bateu um papo exclusivo com a coluna e falou sobre a doença:

“Ainda estou no hospital, tive uma pneumonia viral há umas duas semanas, com arritmia e fiquei no hospital dez dias. Voltei a trabalhar na Rádio Metropolitana porque ainda estamos de férias na Band, e, no domingo passado, comecei a ter canseira de novo”, lembrou ao retornar para a clínica cinco dias de ser liberada.

No fim da entrevista, ela deu um aviso: “Estou muito bem medicada, o hospital é maravilhoso e tá tudo bem. Eu não tô à beira da morte ainda, tá?”. Segundo os especialistas, Mamma Bruschetta teve um quadro infeccioso.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost