Garota de programa se fingiu de morta após levar tiro na testa

Na mesma ocorrência, suspeito, de 61 anos, matou outra garota de programa em área rural de Campo Grande (MS)

Uma jovem, de 27 anos, se fingiu de morta depois de levar um disparo de raspão na testa, e ver a amiga Jennifer Gimenes Monserroti (foto em destaque), de 22, ser assassinada a tiros de espingarda por Eurílio Ferreira de Andrade, 61, nesse domingo (23/6). Os crimes ocorreram em uma propriedade rural de São Gabriel do Oeste — a 168 quilômetros de Campo Grande (MS).

A vítima conseguiu fugir e pedir ajuda em uma fazenda vizinha. Ela foi socorrida até um hospital de Campo Grande, onde deve passar por cirurgia.

Redes Sociais

As vítimas foram contratadas por R$ 1 mil pelo funcionário de uma propriedade rural, quando em determinado momento tiveram uma discussão e ambas tentaram fugir.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost