Na Justiça, Zé Felipe é acusado de abandonar ex-produtor após AVC

O cantor foi processado por um ex-funcionário em uma ação trabalhista e precisou pagar uma indenização de R$ 100 mil por danos morais

Zé Felipe e o pai, o cantor sertanejo Leonardo, estão sendo processados por um ex-funcionário em uma ação trabalhista. De acordo com o colunista Daniel Nascimento, do O Dia, o caso deu início em 2021 após Felipe Maciel ter um AVC, devido às condições estressantes de trabalho impostas pelo marido de Virginia Fonseca. Na Justiça ele pediu uma indenização de R$ 1.201.994,63.

Ainda segundo o site, o produtor iniciou sua trajetória de trabalho ao lado de Zé Felipe em abril de 2016. A defesa do ex-funcionário alegou que ele exercia uma escala de trabalho com elevada carga horária.

Reprodução

De acordo com o que foi apresentado, o acordo inicial era para que o profissional trabalhasse de segunda a sexta-feira, de 08 às 17h, com uma hora de intervalo. No entanto, a escala ia de segunda a segunda, das 08 às 00h, sem intervalo, folga, ou descanso semanal. Em dia de evento, o produtor trabalhava até as 5h da manhã.

Ainda segundo a defesa, três dias depois de parar de trabalhar com Zé Felipe, o produtor teve um Acidente Vascular Cerebral hemorrágico com graves sequelas, o que o deixou incapacitado para exercer atividades laborativas e habituais.

O marido de Virginia ainda teria abandonado o produtor a própria sorte e não teria dado nenhuma assistência salarial, médica ou assistencial, acarretando na rescisão indireta do contrato de trabalho por culpa do cantor, dispensado, segundo eles, de forma arbitrária e injustificada.

Felipe não teria conseguido dar entrada no benefício do INSS, devido a falta de anotação do contrato de trabalho e da inexistência de recolhimento dos direitos trabalhistas. Ou seja, ele não tinha o vínculo de trabalho reconhecido por Zé Felipe e seu pai. Tal situação o impediu de se encostar pela Previdência ou até mesmo se aposentar.

O processo foi finalizado e terminou em um acordo de R$ 100 mil por danos morais. A quantia foi parcelada em 10 vezes de R$ 10 mil, concluído em março deste ano, mais pagamento de direitos trabalhistas e reconhecimento de vínculo profissional em nome da empresa Zé Felipe Show Music Ltda, pertencentes ao cantor e seu pai Leonardo.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost