Rio Branco, Acre,


Brasil lava a alma, atropela o Peru e confirma vaga nas quartas da Copa América

Seleção brasileira jogou bem, goleou os peruanos em Itaquera e avançou de fase na liderança do grupo

Depois de tropeçar diante da Venezuela em Salvador, no meio da semana, o Brasil reencontrou o bom futebol, encheu os olhos da torcida e atropelou o Peru em Itaquera, na capital paulista: 5 a 0 e vaga nas quartas de final da Copa América confirmada.

Os gols do Brasil foram de Casemiro, Roberto Firmino e Everton Cebolinha no primeiro tempo; Daniel Alves e Willian no segundo. Nos acréscimos, Gabriel Jesus ainda perdeu um pênalti.

A seleção brasileira ficou na liderança da chave A com sete pontos, enquanto a Venezuela foi a segunda colocada, com cinco, também classificada – os venezuelanos passaram pelos bolivianos no Mineirão, 3 a 1.

O Peru fechou a fase de grupos com quatro pontos, em terceiro, e ainda depende dos resultados das outras chaves para avançar. A Bolívia não pontuou e está fora.
Leia também: Relembre os jogos oficiais da seleção sem Neymar antes da Copa América

O jogo dos comandados de Tite pelas quartas de final será no dia 27 de junho, quinta-feira que vem, às 21h30 (de Brasília), na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. O rival será o terceiro colocado dos grupos B ou C, que estão entre essas seleções: Argentina, Catar, Paraguai, Japão, Uruguai ou Equador.

Everton Cebolinha deixou sua marca mais uma vez com a camisa do Brasil/ Pedro Martins / MoWA Press / Divulgação

O JOGO

Apesar de o Peru ter sido melhor nos minutos iniciais do jogo, não demorou muito para o Brasil acordar, entrar na partida e passar por cima dos peruanos. Em um espaço de oito minutos, os comandados de Tite fizeram dois gols e ficaram tranquilos para o restante da partida. Primeiro foi aos 11, com Casemiro, que aproveitou bate-rebate na grande área após cobrança de escanteio. Depois, com Roberto Firmino, aproveitando falha do goleiro Gallese e mostrando frieza para ampliar.

GOL ACEBOLADO

Um dos destaques do Brasil nesta Copa América, que vem ganhando cada vez mais espaço entre os titulares de Tite, é Everton. E mais uma vez mostrou serviço. Na primeira tentativa, quase marcou – aos 22, disparou em contra-ataque e o goleiro Gallese fez boa defesa, evitando o gol. Na segunda, porém, a bola entrou – aos 31, mandou forte, sem chances de defesa, lindo gol, 3 a 0. A Seleção Brasileira ainda teria a oportunidade do quarto gol antes do intervalo, com Gabriel Jesus, mas desperdiçou.

SEGUIU A BATIDA

O Brasil não recuou. Manteve o ritmo na volta para o segundo tempo, até por conta de o Peru não esboçar qualquer tipo de reação dentro da conjuntura da partida. E esta disciplina brasileira rendeu rapidamente o quarto gol. Aos oito minutos da etapa final, Daniel Alves tabelou com Arthur, depois com Firmino, recebeu na área e mandou forte para o gol. Golaço, por sinal, coroando o desempenho que a Seleção, em um geral, apresentava até então para os mais de 42 mil torcedores que foram ao estádio.

ESSE É O BRASIL!

Nos minutos finais do jogo, o Brasil coroou a goleada, mostrando qual é realmente a Seleção Brasileira. Aos 44, Willian dominou, limpou e bateu colocado, após passe de Everton.

O 5 a 0 poderia ter sido maior – dois minutos mais tarde, Gabriel Jesus foi derrubado na grande área pelo goleiro peruano, o árbitro Fernando Rapallini assinalou corretamente o pênalti, mas o próprio Jesus foi para a cobrança e Gallese defendeu. Vitória consolidada para os brasileiros, que vão com moral para as quartas de final.

FICHA TÉCNICA
PERU 0 x 5 BRASIL

Estádio : Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data/hora : 22/6/2019, 16h (de Brasília)
Árbitro : Fernando Rapallini (ARG)
Assistentes : Hernan Maidana (ARG) e Eduardo Cardozo (PAR)
Árbitro de vídeo : Andres Rojas (COL)
Público/renda : 42.317 pagantes/R$ 10.009.095,00
Cartões amarelos : Yotún, Advíncula (PER) e Casemiro, Thiago Silva (BRA)
GOLS : Casemiro 11’/1ºT (0-1), Roberto Firmino 18’/1ºT (0-2), Everton 31’/1ºT (0-3), Daniel Alves 8’/2ºT (0-4) e Willian 44’/2ºT (0-5)

PERU : Gallese, Advíncula, Araujo, Abram e Trauco; Tapia, Yotún (Flores intervalo), Polo e Farfán; Cueva (Ballón 21’/2ºT) e Paolo Guerrero (Christopher Gonzales 9’/2ºT). Técnico: Ricardo Gareca.

BRASIL : Alisson, Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Filipe Luís (Alex Sandro 11’/2ºT); Casemiro (Allan 24’/2ºT) e Arthur; Everton, Philippe Coutinho (Willian 31’/2ºT) e Gabriel Jesus; Roberto Firmino. Técnico: Tite.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Últimas Notícias

Recomendado para você