Rio Branco, Acre,


Clicks dos melhores carnavais na coluna do Moisés Alencastro; confira

O combate ao assédio e importunação de mulheres durante o Carnaval de Rio Branco foi alvo de uma campanha

Parece que o Carnaval 2020 foi daqueles para não esquecer… no começo de fevereiro os foliões já estavam correndo atrás de fantasia e as festas só terminam mesmo quando o mês de março deu as caras. Haja pique e fôlego porque de animação estamos bem. E é por isso que vamos relembrar o que de melhor aconteceu em Rio Branco.

Rio Branco ferveu no sábado de Carnaval na Feijoada do Gran Reserva, promovido pela promoter Meyre Manaus. Foram seis horas de muita folia ao som de Bruno Damasceno que não deixou ninguém parado. No evento cerca de 500 convidados que caíram no samba até o começo da noite. Quem perdeu, fica a dica. Não dorme no ponto mais não. Quem passou por lá? Veja as fotos.

PUBLICIDADE

O Seringal Bier – o primeiro Brewpub do Acre -, foi o espaço mais concorrido da terrinha no sábado de Carnaval. O agito, organizado pelos proprietários Guilherme Macedo e Elisane Grecchi, começou no finalzinho da tarde e seguiu madrugada adentro no maior clima de extravasa, libera e joga tudo pro ar, como já bem disse Claudia Leitte. Além dos convidados que por si só já são um acontecimento as atrações da noite foram: Bruno Damasceno e Elias Sarkis e Banda. Veja os flashes.

O Baile do Cafezar foi um dos agitos mais hypados na segunda-feira de Carnaval acreana. Muita gente bonita, animada fez um festão daqueles. O burburinho carnavalesco começou com Eduardo Araújo e Júnior do Cavaco. Na sequência quem entrou em ação foi a bateria da Escola de Samba 6 É Demais. Bruno Damasceno se encarregou de animar os foliões até altas horas da madrugada. Confira as imagens da folia.

Campanha Carnaval sem Assédio do MPAC

O combate ao assédio e importunação de mulheres durante o Carnaval de Rio Branco foi alvo de uma campanha de conscientização lançada pelo Ministério Público do Acre – MPAC com apoio da Prefeitura de Rio Branco. A iniciativa intitulada “Carnaval sem Assédio” teve como objetivo é promover a denúncia e combater o assédio, baseada na nova Lei de Importunação, que determina que qualquer ação de cunho sexual não consentida pode ser considerada crime, com pena de até cinco anos de prisão. A campanha foi um sucesso.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias