Rio Branco, Acre,


Mecânico com a cabeça cortada tem acesso de fúria na UPA e danifica prédio com socos

Suspeito teria cortado a cabeça ao cair na piscina de casa. Homem teve ataque de raiva porque queria passar na frente de outros pacientes

Um mecânico de 40 anos foi detido após ter um acesso de fúria na UPA de Ariquemes (RO) e passar a quebrar objetos com socos, na madrugada desta segunda-feira (18). Segundo a Polícia Militar (PM), o suspeito tinha ido até a unidade por ter cortado a cabeça na piscina de casa.

Aos policiais, servidores da UPA contaram que o mecânico chegou no local exigindo por atendimento prioritário. O homem contou à equipe médica que tinha escorregado e caído enquanto mexia na piscina de casa, provocando assim um corte na cabeça dele.

Nesse momento, segundo conta servidores da UPA, o homem teve um acesso de fúria porque desejava ser atendido o mais rápido possível, inclusive passando na frente de outros pacientes. O mecânico então começou a dar socos na porta de alumínio e em outros objetos da UPA, como no dosador de álcool em gel.

O suspeito foi então atendido por um médico de plantão enquanto a PM era acionada. Logo depois o mecânico foi detido e conduzido à Unisp; ele deve responder por danos contra o patrimônio público.

Segundo a UPA de Ariquemes, os pacientes são atendidos por prioridade de emergência e não por ordem de chegada, como exigia o mecânico. O prédio da UPA passou por perícia criminal.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up