Rio Branco, Acre,


Gladson volta atrás e anula exonerações de comissionados do IDAF 

Os 43 cargos exonerados por Cameli eram ligados ao deputado estadual Neném Almeida

Após exonerar mais de 40 cargos do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (IDAF) na última quarta-feira (17), o governador Gladson Cameli voltou atrás em algumas das exonerações nesta quinta-feira (18), na edição do Diário Oficial do Estado (DOE).

Cameli decidiu tornar sem efeito ao menos três exonerações. Os que retornaram ao cargo foram: Tatiana da Silva Oliveira, CEC: 3, Mariana Benevides Monteiro, CEC: 5 e César de Souza Campos, CEC: 2.

De acordo com o apurado pela reportagem do ContilNet, os 43 cargos exonerados por Cameli eram ligados ao deputado estadual Neném Almeida.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up