20.3 C
Rio Branco
25 julho, 2021 7:02 am

Sistema elétrico tem reservatórios com apenas 9% da capacidade

Com isso, a capacidade de geração fica menor, e a conta de luz, mais cara. Ao todo, 19 bacias estão com capacidade abaixo dos 50%

POR METRÓPOLES

Sob forte pressão por causa da falta de chuvas, o sistema elétrico brasileiro tem sofrido com reservatórios cada vez mais vazios. Devido a isso, a capacidade de geração fica menor, e a conta de luz, mais cara.

Segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), há bacias que estão com apenas 9% da capacidade total.

As hidrelétricas de Marimbondo (SP/MG) e de Itumbiara (GO/MG) apresentam os níveis mais críticos, com 9,98% e 9,45% da capacidade total, respectivamente.

Ambas pertencem ao Subsistema Sudeste/Centro-Oeste, o mais castigado pela crise. Todo o conjunto de bacias está com apenas 29,21% da capacidade total.

O problema, no entanto, não está centralizado apenas nesse sistema. Ao todo, 19 bacias estão com capacidade abaixo dos 50%. Vale ressaltar que o período chuvoso se encerrou entre abril e maio.

Para o leitor entender, quando há um reservatório de água em casa e ele está cheio, a água chega com pressão na torneira. Quando a água vai acabando, a pressão diminui, mas mesmo assim chega na torneira.

É a mesma lógica das hidrelétricas. Com menos pressão, a capacidade de gerar energia vai caindo. Quanto mais baixo o nível, menor a quantidade de energia gerada, apesar da mesma quantidade de água usada.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.