20.3 C
Rio Branco
25 julho, 2021 4:15 am

Filho de fazendeiro é preso com revólver ilegal e diz à PM que comprou arma para se defender

Jovem estava em uma caminhonete junto do pai, de 51 anos, supostamente dirigindo em alta velocidade em Guajará-Mirim

POR G1 RO

O filho de um fazendeiro, de 26 anos, foi preso por porte ilegal de arma nesta quinta-feira (1°) após ser abordado por policiais militares na Avenida Duque de Caxias, em Guajará-Mirim (RO).

Segundo a Polícia Militar (PM), o jovem estava em uma caminhonete junto do pai, de 51 anos, supostamente dirigindo em alta velocidade.

Por volta do meio-dia, uma denúncia anônima avisou os policiais sobre manobras bruscas em Guajará-Mirim e então uma guarnição alcançou a caminhonete e ordenou que o condutor estacionasse, no bairro Santa Luzia.

Arma de fogo foi localizada no porta-objetos da caminhonete — Foto: PM/Reprodução

Arma de fogo foi localizada no porta-objetos da caminhonete — Foto: PM/Reprodução

Ao revistar o veículo, a PM localizou um revólver calibre .38 dentro do porta objetos e então o jovem de 26 anos falou que comprou a arma, de forma ilegal, há cerca de três meses. O objetivo de andar armado, segundo ele, era para se defender porque tem fazenda na região. Na caminhonete também havia seis munições.

O jovem então recebeu voz de prisão porte ilegal de arma de fogo e levado à delegacia local. O pai dele também precisou ser conduzido à unidade policial.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.