30.3 C
Rio Branco
24 novembro 2021 3:02 pm

Projeto de Lei de ajuda ao futebol acreano é aprovado na Aleac

De acordo com o chefe do Departamento de Esportes do Acre, Júnior Santiago, o projeto segue para o poder executivo para ser sancionada pelo governador do Estado, Gladson Cameli

POR MANOEL FAÇANHA, NA MARCA DA CAL

Última atualização em 12/11/2021 10:24

Após apreciação junto à Comissão de Orçamento e Finanças (COF) e Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), foi aprovado na última quarta-feira (10), no plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac), Projeto Lei que autoriza o repasse no valor de R$ 1 milhão para o futebol acreano.

De acordo com o chefe do Departamento de Esportes do Acre, Júnior Santiago, o projeto segue para o poder executivo para ser sancionada pelo governador do Estado, Gladson Cameli. Júnior Santiago explicou ainda que não existe data exata para os que recursos cheguem aos clubes, mas acredita que no início do próximo mês os valores sejam creditados.

– Uma vez sendo sancionado, o dinheiro já está disponibilizado e aí é só fazer a execução do repasse, conforme está no plano de trabalho que a gente desenvolveu junto aos clubes e à Federação (de Futebol do Acre) – explicou o gestor para o ge

Cronograma de divisão

O maior montante dos valores destinados pelo poder público para a fomentação do futebol será distribuído as equipes acreanas que participaram do Campeonato Brasileiro da Série D (Galvez e Atlético Acreano). Um total de R$ 360 mil será dividido entre as agremiações do Galvez e Atlético Acreano. Outros R$ 349 mil serão partilhados proporcionalmente aos clubes participantes do Campeonato Acreano 2021, sendo o campeão, o Rio Branco, o detentor da maior parte.

No cronograma estabelecido pela gestão pública consta ainda ajuda logística de deslocamento as equipes do interior. Os clubes beneficiados serão Náuas, Humaitá e Plácido de Castro, totalizando ajuda de R$ 24 mil a ser dividida entre as três agremiações.

Também serão contemplados com recursos públicos as categorias de base. Um total de R$ 157 mil divididos aos campeões estaduais das categorias sub-20, sub-17, sub-15, sub-13 e sub-11. Os profissionais da crônica esportiva, representados pela entidade classista (Acea), também foi valorizada pelo poder público com ajuda de custo no valor de R$ 49.680,00. Os valores serão destinados aos profissionais que realizam cobertura diárias nas competições. No cronograma de distribuição ainda consta recursos para a arbitragem (R$ 25.320,00) e também para o Campeonato Acreano de Futebol Feminino (R$ 35.000,00).

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!