23.1 C
Rio Branco
18 maio 2022 5:50 pm

Donos deixam carros abertos para “facilitar” vida dos assaltantes

POR IG

Última atualização em 20/12/2021 21:00

Ao estacionar o seu carro na rua, o recomendado é fechar portas e janelas, correto? Para muitos moradores de Bay Area, em Oakland e São Francisco (Califórnia, EUA), entretanto, essa medida de segurança soa como a pior escolha para os proprietários.

Muitos estão deixando os carros abertos (até mesmo escancarados), incluindo a mala. Tudo para evitar que os vidros das janelas e as fechaduras sejam danificados por criminosos, que estão se espalhando pela região. Assim, facilitam o trabalho dos ladrões, evitando arrombamentos, e provam não haver nada de valor para ser furtado. De quebra, ficam sem o prejuízo de fazer reparos no veículo.

“Imagine ter que limpar seu carro e deixá-lo aberto em público, só para que as pessoas não quebrem suas janelas. Oakland está triste, estamos com cara de bobo”, disse um morador.

“Isso (a estratégia) realmente não me surpreende”, disse a subchefe de polícia interino de Oakland, Drennon Lindsey, de acordo com a ABC.

Lindsey diz que os ladrões especializados em arrombamento de veículos estão ficando mais avançados.

“Mesmo que você pense em colocar o laptop no porta-malas… se estiver ligado, eles têm tecnologia para detectá-lo no carro”, disse ela. “Mesmo que esteja escondido”, completou.

Ex-vice-chefe da região, Garret Tom disse que, em quase 40 anos na força policial, nunca viu proprietários apelarem a tal medida para “protegerem” os seus veículos.

“Estamos numa época diferente. É inacreditável”, comentou ele à KGO-TV.

 

 

 

 

 

 

 

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.907 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.