11 de junho de 2024

Filho de ex-vereador morre vítima de infarto fulminante enquanto dormia em rede

Louro deixa a família e um legado de trabalho e dedicação à sua propriedade rural

Um colono faleceu após sofrer um ataque fulminante do coração, na manhã deste domingo (19), em sua propriedade localizada no ramal do km 20, na Gleba São Jorge. Barto Julião de Freitas Pereira, o Louro, de 48 anos, morreu após queixar-se de dores no peito.

De acordo com relatos da família, Louro sentiu dores, mas, apesar disso, decidiu seguir com seus afazeres. Ele se deslocou de sua propriedade até a margem do Rio Purus e retornou sem maiores incidentes. Ao chegar em casa, Barto resolveu descansar em uma rede. Foi nesse momento que sofreu o ataque cardíaco fulminante e faleceu antes do socorro médico. Mesmo assim, ele foi levado ao Hospital João Câncio Fernandes, onde a equipe médica confirmou o óbito.

Barto Julião de Freitas Pereira, o Louro/Foto: Reprodução

O corpo está sendo velado na Capela Esperança, localizada na Rua Maranhão. O sepultamento será realizado nesta segunda-feira, às 11 horas da manhã, segundo a família. Amigos e familiares estão reunidos para prestar as últimas homenagens ao colono, que era conhecido e estimado pela comunidade local.

Louro deixa a família e um legado de trabalho e dedicação à sua propriedade rural. A comunidade São Jorge lamenta profundamente a perda de um de seus membros mais queridos. Ele era filho do saudoso ex-vereador Adamor, e irmão dos policiais penais Buk Jones e Marqui Junis.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost