23.6 C
Rio Branco
27 novembro 2021 12:33 am

Sócio-proprietário diz ter sido surpreendido com contratação de Bruno: ‘Repulsa’

POR

Última atualização em 27/07/2020 15:20

O ex-secretário de Estado Cassiano Marques lançou uma nota nesta segunda-feira (27), nas redes sociais mostrando sua indignação com a contratação do goleiro Bruno Fernandes, para atuar como arqueiro do Rio Branco.

Entenda: Rio Branco anuncia contratação do goleiro Bruno que deve chegar ao Acre essa semana

Segundo ele, ‘na condição de sócio-proprietário do Rio Branco Football Club há quase 50 anos e membro do Conselho de Administração’,  foi surpreendido com a notícia de contratação ou possível contratação do goleiro.

Marques é contrário à vinda de jogadores de fora do Acre. Ele sugeriu que o Rio Branco buscasse atletas da base do Estado. “Se não bastasse a contratação de mais um jogador de fora do Acre, deixando de formar sua base e apoiar os talentos locais, a escolha de um condenado por bárbaro crime causa-nos repulsa e indignação!!”.

Leia mais: De “homicida” a “ídolo”: contratação de goleiro Bruno por time do AC divide a internet

Por fim, o conselheiro disse que o clube tem valores ‘secular e incompatíveis’, para ter em no seu elenco um jogador cuja referência é a morte e o desrespeito em relação às mulheres e crianças. “Não aceitamos tal absurdo. O Acre tem a triste liderança dos crimes de violência contra as mulheres. Não podemos aceitar tal positivação e valorização de um homicida! “, escreveu.

VOTE EM NOSSA ENQUETE:  Você é a favor da contratação do goleiro Bruno pelo Rio Branco Football Club?

NOTA DE REPÚDIO

Na condição de sócio proprietário do Rio Branco Football Club há quase 50 anos e membro do Conselho de Administração, SURPREENDIDO com a notícia de contratação ou possível contratação por nossa agremiação do goleiro Bruno Fernandes, assassino condenado pelo desaparecimento e morte de Eliza Samúdio e sequestro de seu filho praticados em 2010, venho externar à Diretoria meu REPÚDIO!!

Se não bastasse a contratação de mais um jogador de fora do Acre, deixando de formar sua base e apoiar os talentos locais, a escolha de um condenado por bárbaro crime causa-nos repulsa e indignação!!

Bruno Fernandes encontra-se condenado a 20 anos e nove meses de prisão pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza e pelo sequestro e cárcere privado de Bruninho, filho dos dois.

O RBFC tem valores secular e incompatíveis em ter em no seu elenco um elemento cuja referência é a morte e o desrespeito em relação às mulheres e crianças.

NÃO! Não aceitamos tal absurdo. O Acre tem a triste liderança dos crimes de violência contra as mulheres. Não podemos aceitar tal positivação e valorização de um homicida!

Rio Branco, Acre, 27 de julho de 2020.

Cassiano Marques de Oliveira

Sócio proprietário e Conselheiro do RBFC

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!