Rio Branco, Acre,


Coronel Ulysses critica Rocha e diz que PSDB quer o PSL “igual um cachorrinho”

"A deputada federal Mara Rocha teve mais votos que Ulysses na eleição passada", declarou Rocha

Durante a convenção partidária realizada na sede do Partido Social Liberal (PSL), neste sábado (11), o coronel da Polícia Militar, Ulysses Araújo, fez uma fala grave: segundo ele, o partido que ajudou a eleger Bolsonaro, está sofrendo interferências externas.

“O PSL hoje está sofrendo interferências de outros partidos. Isso não pode acontecer, nós somos livres, essa convenção define o rumo do partido”, declarou.

PUBLICIDADE

O coronel fez duras críticas ao Major Rocha. Segundo ele, após a filiação, a sigla teve a candidatura majoritária retirada e foi imposta a do vice. Após essa imposição, quem está optando pela escolha é o PSDB, ex-partido de Rocha. 

“Nem o direito de escolher nosso vice, nós temos? Como é que é isso? O cargo de prefeita é um, o de vice é outro. O PSL indica quem ele quiser, não é o do PSDB, não”, desabafou.

Araújo foi além e disse que seu nome não é o escolhido para o cargo, devido sua trajetória. “Eu posso ser um percalço, não tenho rabo preso com ninguém. Eles querem que a gente vá atrás deles que nem um cachorrinho”, declarou.

Rocha se mostrou insatisfeito com a fala de Ulysses aos filiados do PSL e chegou a dizer que o coronel deu um show, no entanto, respondeu de forma direta. “A deputada federal Mara Rocha teve mais votos que Ulysses na eleição passada”, encerrou.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up