Rio Branco, Acre,


Veja como Gabriel Sara se tornou chave do São Paulo após atuação contra o Santos

Recentemente, Sara renovou seu contrato com o São Paulo até abril de 2024

Dia 12 de setembro de 2020 pode ser considerada a data que Gabriel Sara superou as desconfianças e deu o seu cartão de visitas para a torcida são-paulina. Naquele dia, o Tricolor empatou com o Santos por 2 a 2, na Vila Belmiro, e o jovem de 21 anos marcou os dois gols da equipe.

Muito criticado pelos torcedores, Sara contou sempre com a confiança do técnico Fernando Diniz, que mesmo questionado pela escolha do jogador nas escalações, bancou o meia e deu respaldo para ele mostrar o seu potencial ao lado de Igor Gomes e Brenner, seus companheiros na base. Depois dessa partida, Sara disputou 28 dos 30 jogos do Tricolor no Brasileirão, com seis gols e cinco assistências, sendo peça-chave no meio-campo do time, contribuindo tanto no ataque, quanto na defesa. Ele realizou 27 desarmes e conseguiu 100 interceptações, mostrando sua presença na marcação.

– Eu queria falar do Sara. Um jogador muito importante taticamente, ajuda na marcação e é muito talentoso. É um grande valor que o São Paulo tem. É um jogador completo. Vislumbrei nele esse tipo de jogador. E acredito que ele tem muito a oferecer ao futebol ainda, tem um futuro brilhante pela frente – afirmou Diniz sobre a fase de Gabriel Sara na reta final do primeiro turno.

Recentemente, Sara renovou seu contrato com o São Paulo até abril de 2024. O seu antigo vínculo com o Tricolor iria até abril de 2023, portanto a renovação foi de mais uma temporada. Sara subiu ao elenco profissional ainda em 2017 e estreou no final daquele ano.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up