Como proteger conta do Instagram? 7 dicas essenciais para sua segurança

Proteger a conta do Instagram, rede social disponível para Android e iPhone (iOS), é essencial para manter seus dados seguros e evitar invasões. Com dois bilhões de usuários ativos globalmente, a plataforma atrai a atenção de criminosos, que podem hackear contas para aplicar golpes como o do robô do Pix e o da venda de produtos usados.

Para evitar problemas, é possível tomar algumas medidas de segurança, como ativar a verificação em duas etapas, criar senhas fortes e monitorar as atividades de login. Nas próximas linhas, o TechTudo lista sete orientações para manter sua conta mais segura e também o passo a passo para gerenciá-las no aplicativo.

1. Ativar a verificação em duas etapas

Uma das formas de proteger a conta do Instagram é habilitando a verificação em dois fatores. O recurso adiciona mais uma etapa ao login, exigindo um código extra para confirmar que a tentativa de acesso está mesmo sendo feita pelo próprio dono da conta. Essa confirmação pode ser encaminhada para o WhatsApp, e-mail, SMS ou ainda ser obtida em aplicativos de autenticação, como o Google Authenticator .

Ative a autenticação de dois fatores para proteger conta — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Ative a autenticação de dois fatores para proteger conta — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Para ativar a verificação em duas etapas no Instagram, vá no seu perfil e toque nas três linhas horizontais. Em seguida, vá em “Configurações” e pressione a opção “Segurança”. Depois, em “Autenticação de dois fatores”, escolha qual método de confirmação deverá ser utilizado.

2. Utilizar senhas fortes

Utilizar uma senha forte é essencial para proteger a conta. Procure criar uma combinação que envolva vários caracteres, como símbolos, letras e números, além de diferenciação entre maiúsculas e minúsculas. Um dica importante é não utilizar a mesma senha para diversas plataformas. Isso porque, caso uma das suas senhas seja descoberta, contas de outras redes também estarão vulneráveis.

Manter uma senha no Instagram com uma combinação forte ajuda a proteger a conta — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Manter uma senha no Instagram com uma combinação forte ajuda a proteger a conta — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Outra orientação é não utilizar senhas muito fáceis, como data de aniversário, pois essa informação pode ser obtida de outras maneiras. Caso prefira, você pode usar um gerenciador de senhas. O app gera uma senha nova para cada cadastro e reúne todas em um único cofre virtual, de forma que você precise decorar apenas a senha principal do gerenciador.

3. Desconfiar de perfis fakes e links enviados

Assim como acontece em outras redes, o Instagram também pode ser utilizado para aplicação de golpes. Cibercriminosos podem enviar links no Direct ou interagir nos Stories por meio de perfis fakes, anunciando falsas promoções ou sistemas para ganhar dinheiro, por exemplo. Ao abrir esses links, você pode ser vítima de malwares capazes de roubar dados bancários do aparelho, entre outras consequências. Assim, a orientação é não clicar em URL enviadas por pessoas que você não conhece ou que não parecem confiáveis.

Conversas no Instagram podem ser usadas para aplicação de golples — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Conversas no Instagram podem ser usadas para aplicação de golples — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Além disso, também é muito comum que hackers invadam contas verdadeiras para roubar dinheiro. Na prática, o criminoso utiliza a conta invadida e se passa pelo dono para vender produtos falsos. Outra tática usada pelos golpistas é ir até o Direct solicitando dados confidenciais para que o crime seja aplicado posteriormente. Nesses casos, a orientação é nunca passar seus dados pelo Instagram.

4. Ficar de olho nas atividades de login

Outra situação que pode oferecer riscos para a conta do Instagram é mantê-la logada em outros dispositivos. Isso pode acontecer quando você entra no seu perfil por meio do aparelho de outra pessoa e esquece de sair da sua conta. Há ainda possibilidade de alguém ter conseguido seus dados e invadido sua conta sem que você tenha dado permissão. Nesse sentido, o próprio Instagram oferece uma área em que é possível verificar em quais aparelhos estão conectados a sua conta.

Verificar as atividades de login no Instagram é importante para manter conta protegida — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Verificar as atividades de login no Instagram é importante para manter conta protegida — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Para fazer a checagem, vá no seu perfil e toque nas três barras horizontais. Depois, pressione em “Configurações” e toque em “Segurança”. Em “Atividade de login”, você conseguirá visualizar todos os aparelhos e locais em que o seu perfil está conectado. Para remover um dispositivo, basta tocar nos três pontinhos e, depois, em “Sair”.

5. Mantenha seus dados atualizados

Estar com os dados atualizados na rede social, como número de telefone e e-mail, também é importante, pois garante o Instagram possa entrar em contato com você em caso de suspeitas de invasão ao perfil. Além disso, caso seja necessário recuperar sua conta, manter essas informações em dia também ajuda no resgate do perfil. Para atualizar seus dados no Instagram, vá ao perfil e toque em “Configurações”. Depois, pressione em “Segurança” e em “Checkup de segurança”. Nessa etapa você poderá cadastrar e confirmar seu número de telefone e e-mail.

Confirme e-mail e número de celular para maior proteção da conta no Instagram — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Confirme e-mail e número de celular para maior proteção da conta no Instagram — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

6. Cuidado com e-mails falsos

O e-mail é um dos principais canais que hackers e pessoas mal intencionadas usam para roubar seus dados e ter acesso à sua conta. Criminosos podem, por exemplo, enviar mensagens para sua caixa de entrada se passando pelo Instagram e solicitando confirmação de login ou solicitando que você troque seus dados. Este golpe é conhecido como phishing.

Aba do Instagram oferece confirmação de e-mails oficiais — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Aba do Instagram oferece confirmação de e-mails oficiais — Foto: Reprodução/Flávia Fernandes

Por isso, antes de abrir URL recebidas por e-mail ou enviar dados pessoais, verifique se o remetente é mesmo o Instagram. Aliás, a rede social oferece uma área exclusiva que reúne os e-mails enviados para o seu endereço. Para acessar essa aba, você pode ir em “Configurações” no seu perfil e tocar em “Segurança”. Depois, é só acessar a opção “E-mails do Instagram” para ver quais mensagens a empresa já te enviou.

7. Não se exponha excessivamente nas redes.

Outra dica importante é ter cuidado na hora de realizar postagens e evitar fornecer informações pessoais em excesso. Redobre a atenção e tente não exibir imagens de documentos ou produtos em que seja possível ver seus dados, como endereço, CPF, entre outros. Ainda, para quem tem perfil público ou muitos seguidores desconhecidos, pode ser perigoso adicionar a localização dos lugares em que está. O ideal, então, é não postar a localização, ou publicar apenas após já ter saído do local.

Adicionar localização no Instagram é melhor manter para apenas conhecidos ou ocultar informação até sair do local — Foto: Foto: Divulgação/Instagram

Adicionar localização no Instagram é melhor manter para apenas conhecidos ou ocultar informação até sair do local — Foto: Foto: Divulgação/Instagram

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost