18 de abril de 2024

Com nova alta em janeiro, cesta básica compromete 38% do salário mínimo em Rio Branco

A pesquisa foi conduzida em 56 estabelecimentos comerciais em diversos bairros da capital

O Governo do Acre, através da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan), por meio do Departamento de Estudos de Pesquisa e de Indicadores (DEEPI), lançou recentemente os resultados de sua pesquisa sobre o custo da cesta básica na capital, Rio Branco. Os números revelam um quadro preocupante para muitas famílias, destacando a pressão sobre o orçamento familiar devido ao aumento dos preços.

Sacos de arroz à venda em mercado. Foto: Geraldo Bubniak/AEN

Segundo os dados divulgados, o custo dessas cestas aumentou significativamente em janeiro de 2024. A pesquisa revela que o custo total da cesta básica alimentar para um indivíduo foi de R$ 548,97, representando um aumento de 0,93% em comparação com dezembro de 2023. Itens como tomate, feijão, arroz e óleo foram os que mais apresentaram aumento de preços, enquanto banana, pão e manteiga registraram redução.

Ao analisar os últimos seis meses, de agosto de 2023 a janeiro de 2024, houve um aumento significativo no valor total das cestas, com uma variação positiva de 8,1%. Esse aumento foi particularmente influenciado pela cesta básica alimentar, que teve uma alta de R$ 46,90 nesse período.

Fonte: SEPLAN/DIRDR/DEEPI/DIVEP

A pesquisa foi conduzida em 56 estabelecimentos comerciais em diversos bairros de Rio Branco, incluindo mercados varejistas de diferentes portes, açougues e panificadoras.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost