Rio Branco, Acre,


Em reunião, Gladson Cameli pede celeridade na conclusão das obras da Saúde

“Podemos alinhar e discutir o que pode ser melhorado ainda mais", disse o chefe do executivo acreano

Logo após participar da coletiva de imprensa que divulgou indicadores da Covid-19 no Acre, na manhã desta sexta-feira, 22, o governador Gladson Cameli fez uma reunião de trabalho com o seu secretariado, titulares das secretarias de Estado de Saúde (Sesacre), de Estado de Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra), da Fazenda (Sefaz) e do Planejamento (Seplag).

A pauta: a conclusão o mais rápido possível das obras de três importantes unidades de saúde do estado. Preocupado com a evolução negativa de casos confirmados do novo coronavírus, ocupação de leitos e óbitos em decorrência da Covid-19 no estado, o chefe do Executivo pediu celeridade na conclusão das obras do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), Hospital Dr. Abel Pinheiro, em Mâncio Lima e Hospital João Câncio Fernandes, em Sena Madureira.

“Podemos alinhar e discutir o que pode ser melhorado ainda mais, para dar celeridade às obras da saúde que uma coisa eu garanto: serão concluídas. Estamos fazendo tudo que podemos para garantir assistência à população, especialmente agora com o avanço da pandemia. Estamos lutando e fazendo tudo que está ao nosso alcance para que não ocorra no Acre o que vem acontecendo no Amazonas. E essa luta não depende apenas do governo, mas da população em também fazer sua parte e levar a séria a questão da Covid-19”, reforça o governador.

O secretário de Estado de Saúde, Alysson Bestene, falou dos esforços do governador para garantir que as obras sejam entregues dentro do prazo. “A reunião foi bastante produtiva, principalmente para resolver entraves burocráticas e dar foco na agilidade. Sabemos das dificuldades e desafios que a saúde implementa todos os dias, mas temos um governador sensível e extremamente humano com um olhar carinhoso em garantir recursos e assistência à saúde, tendo colocado toda a sua equipe a disposição da Secretaria de Saúde em prol de preservar e salvar vidas”, ressalta Bestene.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up