30.3 C
Rio Branco
24 novembro 2021 3:07 pm

Chefe de quadrilha que matou dois PM’s morre durante troca de tiros com o BOPE

Gedeon José Duque, líder de quadrilha de grileiros, está entre os mortos. Ele era procurado há um ano.

POR G1

Última atualização em 29/10/2021 15:53

Dois suspeitos de integrarem uma quadrilha de invasão de terras morreram, na manhã desta sexta-feira (29), durante uma troca de tiros com o BOPE na região de Nova Mutum, distrito de Porto Velho que registra constantes conflitos agrários.

Entre os mortos está Gedeon José Duque, conhecido como Índio. Ele é o chefe da quadrilha de grileiros que matou dois PM’s em uma fazenda no ano passado.

O outro morto no confronto, segundo obtido pela Rede Amazônica, é Rafael Gasparini Tedesco, conhecido como Xuxa.

Informações preliminares dizem que a troca de tiros aconteceu na região da fazenda onde dois policiais foram mortos há um ano.

Quem é Gedeon?

Segundo a polícia, Gedeon e os grileiros fazem parte de uma organização criminosa que realiza diversos crimes na zona rural de Porto Velho, com treinamento e armamento de guerra utilizando fuzis e metralhadoras para prática de homicídios, torturas, incêndios e roubos.

Gedeon era procurado pela polícia há um ano, após matar dois policiais militares na fazenda invadida em uma região de Nova Mutum.

Reportagem em atualização*

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.