12 de abril de 2024

Pré-candidato a prefeito segue com suspensão dos direitos políticos e pode ficar fora das eleições

O prazo final para as filiações de possíveis candidatos aos cargos municipais no pleito deste ano é 6 de abril

A poucos dias do prazo final das filiações partidárias, o ex-prefeito de Tarauacá, Vando Torquato, segue impedido de se filiar a qualquer partido e disputar mais uma vez o cargo.

Vando Torquato já foi prefeito de Tarauacá/Foto: Reprodução

No mês passado, o prefeito protocolou um pedido de legenda para ser submetido à convenção municipal do Progressistas, seu antigo partido, para concorrer às eleições deste ano.

Porém, o Progressistas já havia anunciado como pré-candidato o ex-prefeito Rodrigo Damasceno.

Com a recusa, Vando decidiu se filiar ao PSD, do senador Sérgio Petecão.

O ex-prefeito enfrenta um problema de suspensão dos direitos políticos e pode ficar proibido de concorrer ao cargo em outubro. O prazo final para as filiações de possíveis candidatos aos cargos municipais no pleito deste ano é 6 de abril, próximo sábado.

Na certidão expedida pelo TSE, Vando aparece não está quite com a Justiça Eleitoral em razão da suspensão de direitos políticos (improbidade administrativa) e (condenação criminal), não podendo exercer o voto ou regularizar sua situação eleitoral enquanto durar o impedimento, disse o documento.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost