Brooke Shields relata caso de estupro e cinzas da mãe no bar de sua casa

A atriz relata o caso no documentário "A História de Brooke Shields", que conta a vida da atriz

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – Brooke Shields, 59, relatou um caso de estupro que sofreu anos atrás e também falou sobre as cinzas da sua mãe, que ficam em um bar na sua casa, de acordo com informações do The New York Times.

A atriz relata o caso no documentário “A História de Brooke Shields”, que conta a vida da atriz. Aos 20 anos, após se formar na Universidade de Princeton, ela foi estuprada por um executivo de Hollywood.

“Pensei: ‘Uau, é a primeira vez que uma coisa assim me acontece; portanto, isso não me define totalmente como pessoa’. Quando era mais jovem, eu era totalmente definida por minha sexualidade e pela beleza”, disse Brooke Shields.

Ela ainda contou sobre onde guarda as cinzas da sua mãe, Teri Shields. No balcão de mármore do bar da sua casa, a atriz mantém a urna com as cinzas da mãe.

“Perto das coisas de que ela mais gostava: o álcool e eu”, disse Brooke.

Teri morreu em 31 de outubro de 2012 aos 79 anos. Ela morreu após enfrentar durante anos demência. A atriz já contou certa vez que a mãe tinha uma foco absolutamente nela.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost