Velório de Nahim na Alesp tem caixão no chão para cães se despedirem

Por se tratar de uma situação especial, Alesp autorizou entrada dos cães do cantor, que usava os óculos escuros que se tornaram sua marca

O velório do cantor Nahim, que morreu nessa quinta-feira (13/6) em São Paulo, acontece na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) com uma particularidade que tem chamado a atenção dos fãs: o caixão do artista foi colocado no chão. A decisão foi tomada para que os cães de Nahim pudessem se despedir do tutor.

O cantor era apaixonado pelos animais de estimação e não se cansava de falar sobre isso em entrevistas e postar fotos com os cachorros nas redes sociais. Em 2019, chegou a ser preso por descumprir uma medida protetiva e visitar os cães na casa da primeira mulher, Sandra Pandolfi, com quem foi casado por 25 anos e de quem estava proibido de se aproximar.

Reprodução/Redes Sociais

A segunda mulher do artista, Andreia Andrade (na foto de destaque, com os cães), de quem se separou em outubro, foi quem decidiu colocar o caixão no chão. Por se tratar de uma situação especial, a entrada dos cachorros foi autorizada pela Alesp.

No caixão, os óculos escuros que se tornaram uma marca foram colocados no rosto do cantor. O velório prossegue até as 10h. Depois, o corpo será levado para Miguelópolis, no interior de São Paulo, cidade natal do artista e onde vai ocorrer o enterro, às 16h.

Reprodução/Redes Sociais

Reprodução/Redes Sociais

Reprodução/Redes Sociais

Reprodução/Redes Sociais

Acidente doméstico

Nahim foi encontrado morto dentro de sua casa, em Taboão da Serra, região metropolitana de São Paulo, na manhã de quinta-feira, após o funcionário de uma empresa de telefonia ter avistado o corpo no quintal e ter chamado a Polícia Militar.

A principal suspeita da polícia é de que Nahim tenha sido vítima de um acidente doméstico. De acordo com o que foi apurado pelos policiais militares que estiveram no local, ele teria caído da escada e batido a cabeça.

O caso é investigado como morte suspeita pelo 1º DP de Taboão da Serra.

O cantor tinha se mudado para a casa em que morreu recentemente, há cerca de 15 dias. Vizinhos contaram que ele era uma pessoa querida por todos.

Ex-mulher aos prantos

Andreia Andrade foi uma das primeiras pessoas a chegar ao local após a confirmação da morte. Emocionada, a ex-mulher chorou muito ao receber a notícia. Apesar do divórcio recente, os dois eram muito próximos. Na véspera da morte, Dia dos Namorados, ela contou à polícia que os dois saíram para jantar.

Reprodução SBT

Andreia se tornou conhecida do público após ter participado, ao lado do então marido, do programa Power Couple, da Record, em 2021. Na mesma emissora, o cantor também participou do programa A Fazenda 9, em 2017 — na ocasião, ele foi o quinto eliminado.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost