Rio Branco, Acre,


Com cheques cruzados, cabos eleitorais de Bocalom e Minoru fazem confusão

Alguns não puderam sacar o valor, outros não tinham conta no Banco do Brasil

Empatados

Praticamente 24 horas antes das eleições o clima é quente não somente na atmosfera, mas, na política. Diria que a tendência é efervescer. Em Rio Branco, o Instituto Big-Data traz os três candidatos tecnicamente empatados com Bocalom e Socorro Neri à frente numericamente.

PUBLICIDADE

Confusão

Na frente da Agência do Banco do Brasil do centro, centenas de cabos eleitorais promoveram uma confusão por conta de cheques pagos pelas coordenações de campanhas de Tião Bocalom e Minoru Kimpara. Como estão cruzados, por determinação da Justiça, alguns não puderam sacar, outros não tinham conta no banco e por ai vai…

Sem fundo

Sem entender o que estava acontecendo, os mais leigos disseram que o cheque era sem fundo. Servidores do Banco do Brasil correram para explicar que não se tratava da falta de dinheiro na conta, mas, questões das regras eleitorais que estão sendo seguidas.

Em Senador Guiomard

Em Senador Guiomard a treta é diferente. Segundo áudios que vazaram nas redes sociais, a coordenação de campanha de Rosana Gomes não pagou a militância nem com cheque. Pelo menos até o fechamento dessa edição. Cidade pequena, imaginem a confusão que está formada.

LEIA TAMBÉM: Advogada diz que Rosana Gomes pagou os 29 cabos eleitorais em Senador Guiomard

Aglomeração

De nada adiantou as recomendações do Ministério Público Eleitoral para os candidatos evitarem aglomerações. O que se viu na noite de ontem em alguns municípios foi uma verdadeira multidão sem máscara. Uma irresponsabilidade sem tamanho dos organizadores desses eventos.

Cientista

O cientista político Nilson Euclides, em um programa de rádio na manhã de sexta-feira (13), condenou a forma de Roberto Duarte fazer campanha. Para ele, a escolha pelo discurso de ódio e o apadrinhamento com Jair Bolsonaro foram erros imperdoáveis pelo eleitor.

Atirando

No último programa eleitoral, Roberto Duarte saiu atirando pra tudo quanto é lado. Bateu pesado em Minoru Kimpara como já vinha fazendo nos últimos programas eleitorais, colando a imagem do atual tucano, aos irmãos Jorge e Tião Viana.

Premiação

Os militares do Acre receberam nessa sexta-feira (13) o prêmio de valorização após cinco anos de espera. Mesmo assim, aquele cidadão que não reconhece nenhuma melhoria mandou seu exército cobrar o governo do Acre por mais melhorias à categoria. Apanhou igual cachorro de mudança.

Fator chuva

Segundo Davi Friale, o mago do tempo, chuvas no domingo serão pontuais, não existe previsão de intensidade como em alguns anos anteriores. A notícia é um alívio para muito candidato majoritário.

Surpresa

A dianteira de Francimar Fernandes em Feijó, segundo o DataControl é uma grande surpresa. Se confirmarem os números será uma virada histórica. Kiefer Cavalcante liderou com folga todas as pesquisas, tanto que tem uma excelente aceitação medida pela própria pesquisa.

Fake News

Uma pesquisa inédita lançada nesta quinta-feira (12) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em parceria com a Fundação Getúlio Vargas mostra o panorama das notícias falsas que questionam a integridade do sistema eleitoral. Intitulado “Desinformação On-line e Eleições no Brasil: A circulação de links sobre desconfiança no sistema eleitoral brasileiro no Facebook e no YouTube (2014-2020)”, o estudo analisou mais de 3 mil conteúdos relacionados ao pleito nacional.

Análise

A FGV analisou a circulação de conteúdos que incentivam a existência de fraude nas urnas eletrônicas e a manipulação nas eleições brasileiras, tanto no Facebook quanto no YouTube, de 2014 a 2020.

Debate

Nem Abdias e nem Neia foram ao debate promovido pelo Instituto Federal do Acre na cidade do abacaxi grande, a nossa querida Tarauacá. Quem assistiu aprovou o nível da discursão com apresentação de boas propostas para o município.

Utilidade pública

A votação desse domingo ocorrerá em todo o Brasil das 7h às 17h, sendo ampliada em uma hora. A Justiça Eleitoral recomenda que o horário das 7h às 10h seja destinado às pessoas com mais de 60 anos para evitar aglomerações. Na hora da votação, o eleitor não poderá entrar na cabine com o aparelho celular em mãos.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up