18 de abril de 2024

Acre tem a 2ª maior incidência de casos de dengue no país, diz Ministério da Saúde

O estado registrou 212,5 casos prováveis a cada 100 mil habitantes. Vacinação contra a doença já começa no próximo mês

O Ministério da Saúde divulgou mais um balanço sobre o surto de dengue no país nesta quinta-feira (25). O órgão atualizou os dados e expôs o ranking de estados brasileiros com a maior incidência de casos prováveis da doença por 100 mil habitantes.

O ranking é liderado pelo Distrito Federal, que registrou 477 ocorrências da doença a cada 100 mil habitantes só em 2024. Na segunda colocação aparece o Acre, que registrou 212,5 casos prováveis a cada 100 mil habitantes.

Dados são do Ministério da Saúde, atualizados nesta quinta (25)/Reprodução

Em uma edição extra do Diário Oficial do Acre, o governo do Estado decretou situação de emergência por conta do aumento significativo dos casos de dengue. Só nas últimas semanas, houve um crescimento de 106,6% nos casos da doença. O decreto é válido por 90 dias.

Dados do Painel de Monitoramento das Arboviroses do Ministério da Saúde revelam que o estado do Acre teve o segundo maior crescimento no número de casos de dengue do país no ano de 2023, quando comparado ao ano anterior, 2022.

SAIBA MAIS: Governo decreta situação de emergência por conta do aumento de casos de dengue no Acre

De acordo com os dados, entre as Semanas Epidemiológicas (SE) 1 a 48 de 2023, foram notificados 5.445 casos prováveis de Dengue no Acre, que representa um aumento de 106,6% em relação ao mesmo período de 2022, tendo sido confirmados 3.755, dos quais 29 apresentaram sinais de alarme e 2 foram classificados como Dengue Grave. Além disso, os dados mostram que não há registro de óbitos pela doença.

VEJA MAIS: Acre teve o 2º aumento mais expressivo do país nos casos de dengue, diz Ministério da Saúde

No decreto, a Sesacre informou que o aumento de casos demonstra um quadro preocupante em relação à situação epidemiológica das síndromes febris ocasionados pelas arboviroses urbanas, sendo elas Dengue, Zika e Chikungunya.

Unidades de saúde vem registrando alta procura no município| Foto: ContilNet

O decreto foi tomado a partir de informações baseadas nos dados das Unidades Básicas de Saúde e, nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA’s), como 2º Distrito (Via Verde), Franco Silva, Cidade do Povo, em Rio Branco, e Jaques Pereira, em Cruzeiro do Sul, além do Hospital de Urgência Emergência, em Rio Branco, Hospital Raimundo Chaar, em Brasiléia, e demais unidades hospitalares do Estado;

SAIBA TAMBÉM: Dengue: números de casos aumentam no Acre e unidades de saúde lotam diariamente

Além disso, o governo considerou a comprovação de circulação de outras duas arboviroses (Mayaro e Oropouche) em alguns municípios, “cuja magnitude ainda não se pode definir, visto que não há kits comerciais para venda no País, o que limita a realização de exames laboratoriais para a confirmação do diagnóstico”, disse trecho do decreto.

Vacinação da dengue

O governo do Estado também informou a vacina da dengue deve chegar ao Acre nos próximos dias. A previsão é que a imunização inicie em fevereiro, de forma antecipada.

CONFIRA: Acre já tem previsão para iniciar vacinação contra à dengue e pode ser o 1º estado do Brasil

No fim do ano passado, o Ministério da Saúde incorporou a vacina contra a dengue no Sistema Único de Saúde (SUS). O Brasil é o primeiro país do mundo a oferecer o imunizante no sistema público universal. A vacinação será focada em público e regiões prioritárias.

Vacina Qdenga (TAK-003) contra a dengue será utilizada para vacinação de brasileiros. Foto: divulgação

No geral, o Ministério da Saúde vai receber pouco mais de 6 milhões de doses, desse total, 5,2 milhões foram compradas do laboratório Takeda e 1,3 foram doadas.

No Acre, da primeira lista divulgada, serão 11 cidades contempladas, todas elas na regional Baixo Acre e Purus. São elas: Rio Branco, Senador Guiomard, Capixaba, Sena Madureira, Plácido de Castro, Manoel Urbano, Porto Acre, Acrelândia, Bujari, Santa Rosa do Purus e Jordão.

CONFIRA: Apenas 11 cidades do Acre vão aplicar vacinas contra a dengue, diz Ministério da Saúde; veja lista

Com um aumento de 106% nos casos de dengue no ano passado, a Secretária de Saúde do Acre estabeleceu um plano de ação para o combate à doença e quer prioridade para a vacinação.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost